Nossa Política

China nega que tenha enviado militares à Venezuela

China nega que tenha enviado militares à Venezuela
China nega que tenha enviado militares à Venezuela
 porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês, Geng Shuang, afirmou que não enviou militares à Venezuela junto com um carregamento de ajuda humanitária.

Pequim negou relatos de que enviou uma força militar à Venezuela, junto com um carregamento de ajuda humanitária que, na verdade, chegou a Caracas na última sexta-feira (29).

Ao divulgar a notícia espalharam informações não confirmados de que mais de 120 soldados do Exército de Libertação do Povo tinha acompanhado o vôo para entregar a carga militar destinado para as Forças Armadas da Venezuela, e, assim, fortalecer o governo de Nicolas Maduro no meio da crise  que esse país está passando.

“Não sei de onde vocês retiraram esta informação ou para que fins foi produzida, mas eu vou dizer o seguinte: o que eles disseram é simplesmente falso”, disse nessa terça-feira (2) o porta-voz Ministério das Relações Exteriores chinês, Geng Shuang, a um grupo de jornalistas.

Shuang salientou que a posição de Pequim sobre a situação na Venezuela é “bem definida e coerente”: A China se opõe a interferência de fora nos assuntos internos da Venezuela e “acredita que o governo e a oposição no país deve buscar uma solução política através de um diálogo pacífico “.

As informações são da RT.

Escreva um comentário

Categorias