Nossa Política

Líder do DEM chamou Bolsonaro de “saco vazio” e “louco”

Líder do DEM chamou Bolsonaro de "saco vazio" e "louco"
Líder do DEM chamou Bolsonaro de “saco vazio” e “louco”
“Bolsonaro é como se fosse um saco vazio. Não tem condições de vir aqui ser entrevistado por você. Não podemos jogar o Brasil no abismo.”

Elmar Nascimento (DEM-BA) criticou o protagonismo dos militares no governo de Jair Bolsonaro. Em junho de 2018, portanto, antes das eleições, o deputado criticou Bolsonaro e até cogitou votar em Fernando Haddad (PT). Em entrevista a Radio Metrópole, de Salvador, Elmar considerou Bolsonaro um “saco vazio” e “louco”.

“O Bolsonaro é uma espécie de voto de protesto e o eleitor se comporta de uma forma que, se Bolsonaro fosse candidato ao Parlamento, seria o mais votado do Brasil. Agora, para votar ao Executivo, as pessoas querem saber das ideias, querem saber da economia. […] Bolsonaro é como se fosse um saco vazio. Não tem condições de vir aqui ser entrevistado por você. Não podemos jogar o Brasil no abismo. Se você tiver uma pessoa tipo Haddad e Bolsonaro disputando o segundo turno, a eleição é do PT. A gente não vai exigir do cidadão brasileiro que seja desinteligente e deixe de votar em alguém que, por mais que a gente discorde da ideologia, para votar em um louco”.

Para Elmar, a candidatura do militar reformado seria desmanchada. “Por mais que eu seja contra invasão de terra, não posso defender nunca o uso de violência pra defender esse tipo de coisa. Bolsonaro não resiste uma semana”, ressaltou.

Em outubro de 2018, Elmar gravou um vídeo em que declara apoio à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência e fala em “exterminar” o PT na Bahia. “Estamos aqui externando apoio ao futuro presidente que vai nos ajudar a exterminar o PT na Bahia, que está fazendo muito mal ao nosso estado”, afirmou, em vídeo publicado no Instagram.

Escreva um comentário