Nossa Política

Golden shower faz o dólar subir

Após divulgar vídeo pornô, Bolsonaro pergunta o que é "golden shower"
Após divulgar vídeo pornô, Bolsonaro pergunta o que é “golden shower”
Desta vez, o que acentuou o desconforto no mercado foi o comentário do presidente Jair Bolsonaro, com divulgação de um vídeo polêmico no Twitter, sobre comportamentos inadequados no Carnaval.

Do Valor:


Mercado enfrenta choque de realidade e dólar bate maior nível do ano

O mercado de câmbio voltou do feriado do Carnaval enfrentando um choque de realidade: a reforma da Previdência terá um caminho difícil pela frente e, para piorar o nervosismo dos investidores, repleto de ruídos de comunicação. Tudo isso intensifica a demanda por proteção do dólar, num movimento que conduz a cotação para o maior nível deste ano.

Hoje, o dólar comercial engatou numa firme escalada e fechou em alta 1,46%, aos R$ 3,8342, patamar mais elevado desde 28 de dezembro, quando ficou em R$ 3,8742. Para se ter ideia do tamanho do movimento, a moeda chegou a tocar R$ 3,8449 na máxima do dia e, com o salto da cotação, o desempenho do real só não foi pior que o do peso argentino.

(…) Desta vez, o que acentuou o desconforto no mercado foi o comentário do presidente Jair Bolsonaro, com divulgação de um vídeo polêmico no Twitter, sobre comportamentos inadequados no Carnaval. A reclamação vem justamente num momento em que a reforma da Previdência começa a tramitar no Congresso, algo que deve exigir habilidade do Executivo para se articular com parlamentares. (…)

“A paciência do mercado está acabando. Havia uma expectativa maior para o primeiro trimestre. Mas o fluxo estrangeiro que sazonalmente ingressa no país no período de janeiro e fevereiro não veio. Isso é um sinal de que a valorização global da moeda americana e as indefinições e falta de comunicação do novo governo brasileiro retardaram esse fluxo”, diz Italo Abucater dos Santos, gerente de câmbio na Tullett Prebon. “Como se fala que o ano só começa após o Carnaval, tivemos a cereja do bolo com o vídeo que o presidente publicou no Twitter, azedando mais ainda o humor do mercado”, acrescenta.

(…) “O tuite de hoje gera frustração, pois o foco ainda está na agenda de costumes”, acrescenta Luiz Eduardo Portella, sócio e gestor da Novus Capital. (…)


Escreva um comentário