Nossa Política

Presidente do PSL diz que ‘política não é muito da mulher’

Presidente do PSL diz que 'política não é muito da mulher'
Presidente do PSL diz que ‘política não é muito da mulher’
Ao contestar a acusação de que o PSL utilizou de candidatas laranjas para receber verbas públicas, Luciano Bivar disse que ‘política não é muito da mulher’.

Principal cacique do PSL, partido que elegeu Jair Bolsonaro, Luciano Bivar afirmou que mulher não tem vocação para política. Ele se disse contra a regra de cota que está em vigor atualmente e que determina que 30% dos candidatos devem ser do sexo feminino. “[A política] não é muito da mulher. Eu não sou psicólogo, não. Mas eu sei isso”, disse.

Ele negou que Maria de Lourdes Paixão, que é secretária no partido e obteve apenas 274 votos apesar de ter recebido a terceira maior fatia nacional da verba do PSL, seja laranja e defendeu a utilização do dinheiro, o que, segundo ele, foi feito dentro de legalidade.

Escreva um comentário

Categorias