Nossa Política

Após morte de Boechat, BandNews FM sai do ar

Após morte de Boechat, BandNews FM sai do ar
Boechat estava em um helicóptero que caiu sobre um caminhão no Rodoanel, em São Paulo. Além dele, o piloto que comandava a aeronave também faleceu.

Do Metrópoles:


Após a confirmação da morte de Ricardo Boechat, no início da tarde desta segunda-feira (11/2), a Rádio BandNews saiu do ar. Os colegas do jornalista anunciaram a notícia, pediram desculpas e não conseguiram continuar a transmissão.

Boechat estava em um helicóptero que caiu sobre um caminhão no Rodoanel, em São Paulo. Além dele, o piloto que comandava a aeronave também faleceu.

Âncora da Band News, ele havia apresentado o seu programa matinal na emissora de rádio antes de embarcar na aeronave.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o helicóptero caiu em cima de um caminhão que trafegava pela via, no sentido interior, próximo à Praça do Pedágio. O motorista do caminhão ficou ferido, mas não corre risco de vida.

Notícia

A revelação de que o jornalista tinha morrido foi feita ao vivo na Rádio Band. A repórter Sheila Magalhães foi quem noticiou. “Boechat apresentou o noticiário da Band News logo pela manhã, esteve em Campinas para um evento de um laboratório farmacêutico, foi a bordo de um helicóptero, acompanhado de um piloto”, descreveu. “Ele pegou o helicóptero por volta das 11h50 da manhã e pousaria no Grupo Bandeirantes por volta de 12h15, o que não aconteceu”, disse.

Por volta das 14h, a Band News informou, via programação da rádio, que sairiam do ar. Os colegas do jornalista pediram desculpa aos ouvintes e disseram que não estavam em condições de continuar a transmissão. Na sequência, ficou apenas a vinheta no ar.

Na Band, canal em que ele trabalhava, o apresentador José Luiz Datena foi quem informou a morte. “Se o Boechat estivesse aí vivo agora, ele diria que a vida vale a pena para caramba”, disse chorando.


Escreva um comentário