Nossa Política

Bolsonaro é um Hitler dos tempos modernos, diz Maduro

Bolsonaro é um Hitler dos tempos modernos, diz Maduro
Bolsonaro é um Hitler dos tempos modernos, diz Maduro
O presidente venezuelano também criticou o presidente colombiano, Iván Duque, outro adversário político, retratando-o como ilegítimo, e chamando-o de “demônio” e “a personificação do mal.”

Do jornal El Comercio, do Peru:


O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse hoje que seu colega brasileiro, Jair Bolsonaro, é um “Hitler” dos tempos modernos, e criticou as ações econômicas do direitista desde sua chegada à presidência daquele país.

“Lá temos o Brasil, nas mãos de um fascista (…) Bolsonaro é Hitler nos tempos modernos, ele é (…) o que ele não tem é coragem ou decisão própria, porque ele é um fantoche, um fantoche de grupos, de seitas”, disse Maduro durante a entrega de sua memória e conta diante da Assembleia Nacional Constituinte (ANC).

Embora tenha criticado as “privatizações” de Bolsonaro, ele assegurou que apenas os brasileiros devem se encarregar dessas questões.

“O povo brasileiro vai cuidar dele, vamos deixar o tema Bolsonaro para o belo povo brasileiro que vai lutar e cuidar dele”, continuou.

Bolsonaro, que assumiu o cargo em 1º de janeiro, acredita que a Venezuela vive em uma “ditadura” e reiterou o seu total apoio à Assembleia Nacional (controlada pela oposição) “órgão constitucional democraticamente eleito”.

Enquanto Maduro, que foi empossado para um segundo mandato na quinta-feira (10) perante o Supremo em meio às vozes que não reconhecem sua legitimidade, acusou seu homólogo de receber ordens de “provocações militares dos EUA no sul da Venezuela, em fronteira “compartilhada pelos dois países”.

Maduro também criticou o presidente colombiano, Iván Duque, outro adversário político, retratando-o como ilegítimo, e chamando-o de “demônio” e “a personificação do mal.”


Escreva um comentário

Categorias