Nossa Política

Em tom negativo, revista britânica aponta eleição de Bolsonaro como algo crucial para o ambiente e a ciência

Em tom negativo, revista britânica aponta eleição de Bolsonaro como algo crucial para o ambiente e a ciência
Em tom negativo, revista britânica aponta eleição de Bolsonaro como algo crucial para o ambiente e a ciência
Sob o título ‘2018 em notícias: Os eventos científicos que moldaram o ano’, a revista Nature listou a eleição de Jair Bolsonaro como um dos eventos cruciais para o ambiente e a ciência em 2018.

A eleição de Bolsonaro foi vista como um dos eventos cruciais para o ambiente e as ciências em 2018 pela revista britânica Nature. Em um tom negativo, a retrospectiva realizada pela publicação científica cita afirmações contrárias ao meio ambiente feitas pelo presidente eleito, assim como posicionamentos anteriores, ainda como deputado federal, favoráveis a ruralistas na questão do desmatamento da Amazônia.

Sob o título ‘2018 em notícias: Os eventos científicos que moldaram o ano’, a revista Nature listou a eleição de Jair Bolsonaro como um dos eventos cruciais para o ambiente e a ciência em 2018. Confira trechos do artigo:

Tumulto populista

Os brasileiros elegeram o candidato de direita Jair Bolsonaro como seu próximo presidente em outubro. Ele prometeu reprimir a corrupção no governo – mas também reverter as regulamentações ambientais. Como membro da Câmara dos Deputados do Brasil, Bolsonaro frequentemente votava com a bancada rural conservadora, que procurava abrir a floresta amazônica para atividades como agricultura. Ele toma posse em janeiro.

Escreva um comentário