Nossa Política

Bolsonaro veta membros do governo da Nicarágua em sua posse

Bolsonaro veta membros do governo da Nicarágua em sua posse
Bolsonaro veta membros do governo da Nicarágua em sua posse
Também pelo Twitter, o futuro ministro já havia desconvidado o ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, e o de Cuba, Miguel Díaz-Canel, para a posse de Bolsonaro.

Deu na Folha:


O futuro chanceler brasileiro, Ernesto Araújo, afirmou neste domingo (23) que nenhum representante do governo do ditador Daniel Ortega, presidente da Nicarágua, será recebido na posse do presidente eleito Jair Bolsonaro, dia 1 de janeiro.

“A posse do PR Bolsonaro marcará o início de um governo com postura firme e clara na defesa da liberdade”, disse Araújo pelo Twitter. “Com esse propósito e frente às violações do regime Ortega contra a liberdade do povo da Nicarágua, nenhum representante desse regime será recebido no evento do dia 1°.”

Também pela rede social, o futuro ministro já havia desconvidado o ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, e o de Cuba, Miguel Díaz-Canel, para a posse de Bolsonaro.

(…)


1 comentário

  • A atitude desse governo que tem inicio em janeiro de 2019,se distancia muitos anos luz da cordialidade e do respeito civilizatório que nos brasileiros temos por todos os povos , independente das diferencias de qualquer natureza que possa haver .