Notícias

Futuro ministro da Saúde é investigado por caixa 2

Futuro ministro da Saúde é investigado por caixa 2

Futuro ministro da Saúde é investigado por caixa 2

Ele é investigado por suposta fraude em licitação, tráfico de influência e caixa 2 no contrato para implementar um sistema de informatização na saúde.

De acordo com a coluna do Lauro Jardim no jornal O Globo, o deputado federa Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS), anunciado por Bolsonaro para o Ministério da Saúde é investigado por fraude e caixa dois.

De acordo com a Folha de S.Paulo, a indicação de Mandetta para a pasta foi dada como certa na semana passada, mas arrefeceu após as notícias de que o deputado é investigado por suspeita de ter recebido recursos por meio de caixa 2. Como mais nada apareceu, dizem aliados, ele se segurou na dianteira das preferências para o posto.”

Mandetta responde a um inquérito aberto quando era secretário da Saúde de Campo Grande (MS). Ele é investigado por suposta fraude em licitação, tráfico de influência e caixa 2 no contrato para implementar um sistema de informatização na saúde e teve os bens bloqueados em uma ação civil pública relativa ao caso.

O futuro ministro nega qualquer irregularidade na aquisição e instalação do sistema de Gerenciamento de Informações Integradas da Saúde (Gisa) e disse que explicou o caso a Bolsonaro.

Deixe um Comentário!