Política

Bolsonaro anuncia assessor de Toffoli como ministro da Defesa

Bolsonaro anuncia assessor de Toffoli como ministro da Defesa

Bolsonaro anuncia assessor de Toffoli como ministro da Defesa

O futuro ministro da Defesa já foi chefe do Estado-Maior, até ir para a reserva, neste ano, e atuou no Congresso, como assessor parlamentar do Exército.

O presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou nesta terça-feira (13) que o general Fernando Azevedo e Silva será ministro da Defesa do seu governo. No momento, o general estava no Supremo Tribunal Federal (STF) como assessor do presidente da Corte, Dias Toffoli.

O futuro ministro da Defesa já foi chefe do Estado-Maior, até ir para a reserva, neste ano, e atuou no Congresso, como assessor parlamentar do Exército. Também esteve à frente da Autoridade Pública Olímpica (APO), durante o governo de Dilma Rousseff (PT).

Fernando Azevedo que recentemente passou para a reserva – foi indicado pelo comandante do Exército, o general Eduardo Villas Bôas para auxiliar Toffoli, no STF e no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nas análises e políticas para a área de segurança.

A nomeação de Azevedo no STF despertou críticas e estranhamento em membros do judiciário.

Azevedo assumirá a pasta da Defesa no governo Bolsonaro, que antes, cogitava-se, seria ocupada pelo general Augusto Heleno.

Deixe um Comentário!