Notícias

TSE recorre ao WhatsApp para combater as fake news de Bolsonaro

TSE recorre ao WhatsApp para combater as fake news de Bolsonaro

TSE recorre ao WhatsApp para combater as fake news de Bolsonaro

De acordo com estudo da Folha de S.Paulo, de cada dez compartilhamentos de apoiadores da candidatura de Jair Bolsonaro, nove são falsas.

De acordo com reportagem de Rafael Moraes Moura, no Estadão, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai marcar uma reunião para os próximos dias com representantes do WhatsApp com o objetivo de discutir a disseminação de fake news na campanha eleitoral brasileira, especialmente aquelas que atingem a imagem da Justiça Eleitoral e a segurança do sistema.

O TSE também pretende utilizar o próprio site do tribunal para catalogar notícias falsas dirigidas à instituição, para desmistificar ataques e reiterar que não há comprovação de fraude em 22 anos de utilização das urnas eletrônicas.

A corte eleitoral ainda prevê a criação de um aplicativo para rebater falsas acusações, onde os próprios usuários podem denunciar fake news, entretanto, não sabe se a ferramenta entrará em funcionamento antes do final do segundo turno.

Deixe um Comentário!