Internacional

Saiba o que é Vostok 2018, citado pelo Cabo Daciolo

Saiba o que é Vostok 2018, citado pelo Cabo Daciolo

Exercícios militares com bandeiras de Rússia, China e Mongólia

Depois da URSAL, o Cabo Daciolo deu o start para mais uma avalanche de memes e discussões na internet por ter citado o Vostok 2018, o exercício militar russo.

Durante o debate da Record TV neste domingo (30), o presidenciável do Patriota, cabo Daciolo, soltou mais uma de suas pérolas e chamou a atenção do público para o Vostok 2018.

“Tem um perigo iminente acontecendo. Pode chamar o Daciolo de louco, pode chamar. Mas vai aí no Google e pesquisa o evento Vostok 2018. Nós vamos defender a Nação”, disse Daciolo.

Afinal, o que é o Vostok 2018?

Vostok 2018 é um exercício militar que reuniu 300 mil soldados de três nações: Rússia, China e Mongólia.  A enorme operação militar inclui 36.000 tanques, mais de 1.000 aviões e 80 navios da Marinha, de acordo com o ministro da Defesa da Rússia, Sergey Shoygu. As manobras militares aconteceram entre os dias 11 e 17 de setembro deste ano.

O vice-ministro da Defesa, coronel general Alexander Fomin, informou que 91 observadores estrangeiros de 57 países participariam do exercício. O Vostok 2018 ocorreu durante um período de deterioração das relações entre a Rússia e o Ocidente.

A participação chinesa no Vostok visa melhorar as relações militares entre a China e a Rússia, assim como evitar a preocupação chinesa com exercícios militares perto de suas fronteiras. O exercício conjunto permitirá também à Rússia demonstrar que não está isolado militarmente.

Há relatos de que houve compartilhamento de informações entre as Forças Armadas da Rússia e o Exército de Libertação do Povo sobre as lições de combate da Guerra Civil Síria.

Deixe um Comentário!