Política

PSOL declara apoio a Haddad

PSOL declara apoio a Haddad

PSOL declara apoio a Haddad

“O segundo turno é a continuidade da luta contra o fascismo e o golpe. A tarefa central nesse momento é, portanto, derrotar Bolsonaro. Sua derrota abre a possibilidade de bloquear a agenda iniciada por Temer”, diz o partido.

Do UOL:


A executiva nacional do PSOL anunciou no início da noite desta segunda-feira (8) apoio ao candidato do PT, Fernando Haddad, no segundo turno das eleições. Encabeçada por Guilherme Boulos, a candidatura do partido obteve 617 mil votos e ficou apenas em 10º.

“O segundo turno é a continuidade da luta contra o fascismo e o golpe. A tarefa central nesse momento é, portanto, derrotar Bolsonaro. Sua derrota abre a possibilidade de bloquear a agenda iniciada por Temer, garantir a soberania nacional e reunir condições para seguir defendendo as conquistas democráticas frente ao autoritarismo”, diz o partido, em nota.

Contudo, o PSOL afirma ter “diferenças políticas” com o PT e que preserva sua independência. “Estaremos na campanha para derrotar Bolsonaro e eleger Haddad e Manuela defendendo a soberania nacional e os direitos da maioria de nossa gente”, apontou o PSOL.

O PSOL classificou a candidatura de Boulos e sua candidata a vice, Sonia Guajajara, como “o início de um novo ciclo na esquerda brasileira”. “Por isso, continuaremos a defender as causas que nenhuma outra candidatura teve a coragem de sustentar”, informou a sigla.

(…)


Deixe um Comentário!