Internacional

Quem é James Mattis, o ‘Cachorro Louco’?

Quem é James Mattis, o ‘Cachorro Louco’?

Quem é James Mattis, o ‘Cachorro Louco’?

Secretário de Defesa dos Estados Unidos, James Mattis é conhecido como Mad Dog (Cachorro Louco). Ele é general reformado da Marinha e chefiou operações no Oriente Médio.

James Mattis é general reformado da Marinha. “Cachorro Louco” porque é do tipo linha-dura. No governo de Barack Obama, ele chefiou as operações americanas no Oriente Médio, mas perdeu o cargo porque era durão demais com o Irã.

O “Cachorro Louco”, apesar do apelido, é contra a tortura de prisioneiros de guerra, que Donald Trump defendeu na campanha. E também não gosta dessa conversa amigável de Trump com a Rússia.

Segundo o canal de TV CNN, foi durante este período de tempo que ele recebeu a alcunha referida acima: “Após a batalha de 2004 em Fallujah no Iraque, onde ele liderou as tropas britânicas e norte-americanas contra os insurgentes iraquianos”.

O CNN destaca também que o general também tem outras alcunhas — “Warrior Monk” (“monge guerreiro”) e “Chaos” (“caos”).

“Warrior Monk” pode ser por razão da sua simpatia por obras da história militar. Além disso, pode ser por ele ser solteiro e sem filhos.

“Chaos” é a sigla em inglês para “Colonel Has An Outstanding Solution” (O coronel que tem a solução excepcional).

Mattis é, na verdade, um gênio, uma espécie de lenda nos Estados Unidos em assuntos de guerra. O agora secretário da defesa nomeado pelo presidente Trump é conhecido pela grande experiência e inteligência estratégica nos campos de batalha, e também pelas falas francas (e às vezes hilárias para quem as escuta) com que responde quando é indagado sobre algo

Em entrevista no ano passado, o general foi perguntado pelo jornalista John Dickerson do programa “Face the Nation”, da rede CBS:

“O que te deixa acordado à noite?”

“Nada”, respondeu Mattis. “Eu deixo outras pessoas acordadas à noite”.

James Mattis está no Brasil. De acordo com informações, pode vir à tona nas conversas a retomada do acordo para a construção da base de lançamento de satélite de Alcântara (MA).

Deixe um Comentário!