Mundo

Errata: Tibunal de Haia declara que Lula é preso político

Tribunal de Haia declara que Lula é preso político

    Tribunal de Haia declara que Lula é preso político
O site Nossa Política reproduziu da Telesur informação de que o Tribunal de Haia exigiu que a Justiça brasileira liberte o ex-presidente Lula, argumentando que ele sofre perseguição política. Entretanto, a informação não procede.

Errata: Não procede a informação abaixo, publicada no site da Telesur e traduzida pelo NOSSA POLITICA de que o Tribunal de Haia considerou Lula um preso político.

O Tribunal Penal Internacional (TPI) em Haia considerou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva prisioneiro político neste domingo (29), denunciando o sistema judiciário brasileiro e exigindo a libertação imediata do ex-presidente, argumentando que ele sofre perseguição política. .

Nesse sentido, ativistas de direitos humanos no Brasil denunciaram que Lula foi julgado por um tribunal que está sob influência de facções políticas adversas ao ex-presidente.

Os seguidores do fundador do Partido dos Trabalhadores (PT) dizem que os grupos de poder e a oposição estão tentando impedir a participação de Lula nas próximas eleições brasileiras previstas para outubro, em que o ex-presidente é um dos favoritos nas pesquisas.

As últimas pesquisas de opinião atribuem um favoritismo de 33%, mais do que o de seu principal rival, o deputado de direita Jair Bolsonaro (15%).

Lula cumpre sentença de 12 anos e um mês de prisão, emitida em segunda instância no âmbito de investigações de anticorrupção no caso Lava Jato para recebimento de supostos subornos da construtora brasileira Odebrecht em troca de contratos.

As informações são da Telesur.

1 Comentário

Deixe um Comentário!