Internacional

Meninos tailandeses choram ao saber da morte de mergulhador

Meninos tailandeses choram ao saber da morte de mergulhador

Meninos tailandeses choram ao saber da morte de mergulhador

Os meninos escreveram mensagens de agradecimento em um retrato do mergulhador Saman Kunan, que morreu em 6 de julho durante uma operação para entregar tanques de oxigênio.

Os 12 garotos e seu treinador resgatados de uma caverna tailandesa choraram hoje ao saber da morte de um mergulhador da Marinha tailandesa que morreu enquanto participava da missão.

Enxugando as lágrimas, os meninos escreveram mensagens de agradecimento em um retrato do mergulhador Saman Kunan, que morreu em 6 de julho durante uma operação para entregar tanques de oxigênio aos adolescentes presos e ao seu treinador. Kunan, de 38 anos, ficou sem ar enquanto estava debaixo d’água.

O time de futebol “Wild Boars” está se recuperando no hospital depois de passar 18 dias dentro da caverna de Tham Luang, depois de entrar no dia 23 de junho e ser aprisionado pelas águas das monções.

Os médicos dizem que estão em boa saúde após uma operação bem-sucedida de três dias que terminou em 10 de julho, quando equipes de resgate da Marinha Tailandesa e especialistas em mergulho em cavernas transportaram os últimos cinco membros da equipe para a segurança.

Deixe um Comentário!