Notícias

Candidatos a governador de Pernambuco querem distancia de Temer

Candidatos a governador de Pernambuco querem distancia de Temer

Candidatos a governador de Pernambuco querem distancia de Temer

O candidato à reeleição, Paulo Câmara (PSB), e Armando Monteiro (PTB) brigam para não ter as suas imagens atreladas a Michel Temer.

Do Estadão:


As principais coligações que irão disputar o governo de Pernambuco nas eleições 2018 — o PSB do governador e pré-candidato à reeleição Paulo Câmara e a chapa de oposição liderada por Armando Monteiro Neto (PTB) — divulgaram notas públicas nesta terça-feira, 24, nas quais trocam diversas acusações. Em comum, as duas alas tentam se desvencilhar e colar no adversário a imagem de que tem alguma ligação com o governo do presidente Michel Temer — cuja impopularidade é a maior da história.

Na nota publicada pelo PSB, o partido do governador chama a chapa de oposição de “turma do Temer” por abrigar três ex-ministros do atual governo — o deputado federal Mendonça Filho (DEM), que comandou o Ministério da Educação até abril deste ano; o presidente do PSDB Pernambuco e deputado federal Bruno Araújo, ex-ministro das Cidades desde novembro de 2017; e Fernando Filho (DEM), ex-PSB e que esteve a frente da pasta de Minas e Energia também até abril deste ano.

(…)


Deixe um Comentário!