Nossa Política

Para reduzir preço do diesel, Temer fará cortes até no SUS

Para reduzir preço do diesel, Temer fará cortes até no SUS
A Saúde pública é um dos alvos preferidos do governo golpista de Michel Temer: a redução de despesas chegará a R$ 3,4 bilhões; R$ 80 milhões irão para desobstrução de rodovias.

Michel Temer vai compensar o subsídio de R$ 9,6 bilhões à redução do preço do diesel e a redução de tributos incidentes sobre o combustível retirando dinheiro da saúde e educação.

Ao todo, serão cortados R$ 179 milhões em recursos do orçamento da saúde, a maioria destinados para as chamadas “ações de fortalecimento do SUS”, área que visa melhoria da estrutura e qualidade dos serviços de saúde.

As informações são da Folha de S.Paulo.

Entre as ações e programas alvos da redução de recursos, estão o apoio à manutenção de unidades de saúde, melhoria da formação de profissionais e médicos e verbas destinadas a atividades ligadas ao apoio e manutenção de programas consolidados, como o Mais Médicos Rede Cegonha, voltada ao atendimento a gestantes.

O governo diz que o corte afeta apenas verbas já bloqueadas no orçamento. O setor, no entanto, ainda tinha expectativa de que os recursos fossem descontingenciados. Somados outros setores, como educação e segurança, os cortes chegam a R$ 3,4 bilhões.

Escreva um comentário