Política

Lula: Só não serei candidato se me tirarem a vida

Lula: Só não serei candidato se me tirarem a vida

Lula: Só não serei candidato se me tirarem a vida

O petista terá um recurso apreciado na próxima terça (26) pela Segunda Turma do STF e o recado sobre a candidatura foi transmitido pelo presidente nacional da CUT, Vagner Freitas.

Do Blog do Esmael:


Nas vésperas de ser julgado pelo STF, Luiz Inácio Lula da Silva mandou dizer que só não será candidato se lhe tirarem a vida — ou seja, se ele morrer assassinado — como na música de Raul Seixas.

O petista terá um recurso apreciado na próxima terça (26) pela Segunda Turma do STF e o recado sobre a candidatura foi transmitido pelo presidente nacional da CUT, Vagner Freitas.

“O ex-presidente Lula mandou um recado aos golpistas do Brasil e do mundo. Ele é candidato à Presidência da República do Brasil e só não será, se lhe tirarem a vida ou rasgarem a Constituição”, disse o dirigente cutista, durante o encerramento do Congresso Mundial de Trabalhadores da UNI Global, na Inglaterra.

A defesa pleiteia o efeito suspensivo da execução da pena, que pode deixar o ex-presidente aguardar em liberdade enquanto os recursos são julgados nas instâncias superiores e a suspensão da inelegibilidade gerada com a condenação na segunda instância da Justiça.

Vagner relatou no encontro mundial que no Brasil cresce o fascismo, a intolerância, a possibilidade de intervenção militar. “O movimento Lula Livre mais do que falar para os brasileiros, é um grito de alerta aos trabalhadores e aos democratas do mundo inteiro para que não tenhamos retrocesso no processo de construção que estamos fazendo”, discursou.


Deixe um Comentário!