Nossa Política » Notícias » A festa vazia dos 30 anos do PSDB

Notícias

A festa vazia dos 30 anos do PSDB

A festa vazia dos 30 anos do PSDB
A festa vazia dos 30 anos do PSDB
A festa tucana se resumiu a um filme em que foram mostrados os momentos importantes do PSDB, além de um discurso do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin.

Deu no Estadão:


O PSDB comemorou nesta terça-feira, 26, seus 30 anos com um ato político esvaziado, marcado pela ausência de tucanos de peso, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e o ex-prefeito João Doria, pré-candidato ao governo de São Paulo. A celebração ocorreu no fim da reunião da Executiva Nacional do partido em Brasília, na qual foi aprovada a destinação de 30% do Fundo Eleitoral da sigla para campanhas de mulheres.

A festa tucana se resumiu a um filme em que foram mostrados os momentos importantes do PSDB, além de um discurso do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, presidente da legenda e candidato ao Palácio do Planalto nas eleições 2018.

“Foi uma coisa singela. Foram todos convidados, mas essas coisas dão trabalho, vir para Brasília, sabe como é…”, disse Alckmin ao Estado, ao ser questionado sobre os motivos do não comparecimento de FHC, de Doria e até mesmo de ex-presidentes do partido na cerimônia realizada em um hotel de Brasília. Logo em seguida, porém, o ex-governador afirmou que o partido também precisa economizar. “Eu não sou festeiro, sou prático. Não estamos em fase de gastação de dinheiro, mas o filme presta uma homenagem a todos eles”, emendou.

(…)


Tags