Notícias

Até Michel Temer rifou Geraldo Alckmin

Até Michel Temer rifou Geraldo Alckmin

Até Michel Temer rifou Geraldo Alckmin – Foto: Alan Santos/PR

Com míseros 4% das intenções de votos, o ex-governador de São Paulo, Gerando Alckmin, foi rifado até por Michel Temer, o cabo eleitoral dispensado por todos os candidatos.

“Eu que estou sendo procurado com insistência pelos tucanos. É o Alckmin que está pedindo encontro comigo. Quando vou a São Paulo, é um enxame de peessedebistas (tucanos) a me procurar”, disse Temer.

Isso prova que até mesmo Michel Temer, desprestigiado, está rifando a candidatura de Geraldo Alckmin. Mesmo os tucanos começam a entender que a campanha  do presidente do PSDB não vai decolar.

Um deles é Alberto Goldman, ex-governador de São Paulo, que chama de papagaiada o clima entre Temer e os responsáveis pela campanha de Alckmin: “(Temer diz) ‘eles estão me procurando. Eu não telefono e dizem que telefono. Eu não procuro, eles é que procuram’. Para que isso? O que isso interessa a qualquer um? Nem eu leio isso, imagina o cidadão comum. O que é isso? Papagaiada”.

O presidente postiço disse que além de Alckmin, ele foi procurado pelo ex-prefeito de São Paulo João Doria (PSDB), pelo governador do estado Márcio França (PSB) e pelos deputados Samuel Moreira (PSDB-SP) e Arnaldo Jardim (PPS-SP). Em seguida, segundo ele, recebeu contato do ex-governador.

“Na sequência, o Alckmin me ligou. Como não pude atender, no dia seguinte liguei para ele”, esnobou Temer.

Além disso, o tucano já foi rifado por Joaquim Barbosa e, mais recentemente, por Henrique Meirelles, que rechaçou a ideia de ser vice em sua chapa.

Com informações do Portal Vermelho.

1 Comentário

Deixe um Comentário!