Blog do Mailson Ramos

Por que Temer não demite Pedro Parente?

Por que Temer não demite o Pedro Parente?

Por que Temer não demite o Pedro Parente?

O país está pegando fogo, mergulhado num caos medonho, sobretudo pelo aumento abusivo dos combustíveis e a entrega da Petrobras. Mas por que Temer não demite o Pedro Parente, autor de toda esta celeuma?

Michel Temer é um presidente sem moral, ilegítimo. Está no cargo por ordem e ação das elites e do capital financeiro. Michel Temer é a sombra fantasmagórica de quem representa. Não seria abuso dizer que ele é um nada, um traque, fumaça, boneco de ventríloquo, sentado no colo dos poderosos.

Demitir Pedro Parente seria espetar os olhos do mercado. Porque aquele sujeito está lá para entregar a Petrobras em pedaços e concretizar aquilo que FHC não conseguiu: vender a Petrobras e dar o petróleo brasileiro às multinacionais.

Não fosse Lula e Dilma, a Petrobras a esta altura estaria nas mãos de grupos poderosos que hoje se assanham como abutres para tomar os campos do pré-sal. De graça. Eles exigem que os preços sejam reajustados todos os dias. A política de preços estabelecida por Parente não depende de Temer, do ministro de Minas e Energia, da ANP, do escambau.

É mais fácil o Pedro Parente demitir o Temer do que o contrário. Os membros da Lava Jato, que andam soltando o verbo nas redes sociais jamais foram capazes de condenar uma só decisão de Parente, mesmo as mais danosas para a Petrobras, que eles tanto dizem defender.

Parente disse que vai baixar o preço do diesel durante 15 dias. E depois o cacete vai descer na cabeça do brasileiro de novo. É ele quem manda na Petrobras. E não vai ser demitido por Michel Temer. Aliás, a possibilidade de alteração nas políticas estabelecidas pelo golpe na Lava Jato fez com que as ações da Petrobras caíssem 14%. É a prova de que quem preside a estatal é o mercado.

Ninguém se esqueça de que, recentemente, Parente nomeou um executivo da Shell para o conselho da Petrobras. O golpe não seria golpe sem estas duas figuras. E para entregar a Petrobras ninguém melhor do que este homem que culpou o brasileiro pelo apagão e instituiu um racionamento para encobrir os erros do governo FHC ao não investir no setor elétrico.

Deixe um Comentário!