Política

Para 48% dos brasileiros, Dilma sofreu um golpe

Para 48% dos brasileiros, Dilma sofreu um golpe

Para 48% dos brasileiros, Dilma sofreu um golpe

Quase metade dos brasileiros (47,9%) acredita que a ex-presidente Dilma Rousseff sofreu um golpe quando foi afastada do cargo em 2016. A pesquisa é do ITC e foi realizada  entre os dias 15 e 23 de março com 2.500 entrevistas domiciliares em 179 município.

Reportagem é de Ricardo Mendonça, no Valor:


Para 47,9% dos brasileiros, a ex-presidente Dilma Rousseff sofreu um golpe quando foi afastada do cargo em 2016. Uma quantidade ligeiramente menor, 43,5%, entende que impeachment da petista foi um evento “normal” que “faz parte do processo democrático”. Outros 8,6% não sabem dizer.

As informações são parte de uma pesquisa quantitativa realizada em março pelo Instituto da Democracia e da Democratização da Comunicação, braço do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INTC). Envolveu universidades e pesquisadores de diversas instituições acadêmicas.

O levantamento foi realizado entre os dias 15 e 23 de março com 2.500 entrevistas domiciliares em 179 município. A margem de erro é de dois pontos.

O cientista político Leonardo Avritzer (UFGM), que coordenou o trabalho, entende que um conjunto de eventos políticos após o impeachment contribuíram para esse resultado. “É uma maioria que parece ter sido formada após o afastamento de Dilma”, diz.

Entre os eventos, ele cita a gravação que derrubou o senador Romero Jucá (MDB-RR) do ministério do governo Michel Temer logo no início da gestão, a descoberta de R$ 51 milhões ilegais atribuídos ao também ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB), a derrocada do senador Aécio Neves (PSDB-MG) após a divulgação de suas conversas com o empresário Joesley Batista e as denúncias contra o próprio Temer apresentadas pela Procuradoria-Geral da república.

(…)


Deixe um Comentário!