Brasil

Fãs de Moro atacam professora da UFPR

Fãs de Moro atacam professora da UFPR

Fãs de Moro atacam professora da UFPR

Uma das idealizadoras do curso de pós-graduação sobre o golpe de 2016, a professora Mônica Ribeiro foi vítima de ataques no Facebook.

A professora Mônica Ribeiro da Silva, integrante do Observatório do Ensino Médio da UFPR, é uma das idealizadoras do curso de extensão sobre o golpe.

Moro deu aulas na universidade antes de pedir exoneração.

Mônica foi vítima de ataques covardes em seu Facebook. “É típico dos covardes”, disse em sua página.

Fãs de Moro atacam professora da UFPR

“Não sou nem nunca fui filiada a qualquer partido político. Defendo a Universidade pública, gratuita e plural, como reza a Constituição Federal. O Ministro da Educação ofendeu a autonomia universitária, preceito assegurado nessa Constituição. Em defesa dessa autonomia, somam 28 Universidades pelo país a ofertar cursos e disciplinas que analisam o contexto político brasileiro do pós 2016. Na UFPR são 24 docentes, pesquisadores e pesquisadoras, professores e professoras, como eu. Mas, como é típico dos covardes, é fácil tentar caluniar e difamar quem pensa diferente. Lamentável.”

Deixe um Comentário!