Brasil

PMDB pagou pai de santo para benzer Temer

PMDB pagou pai de santo para benzer Temer

Pai de santo que benzeu Temer durante a convenção do PMDB teve sua hospedagem em um hotel de quatro estrelas de Brasília paga pelo partido.

Deu no UOL:


O homem que se apresenta como pai de santo e que nesta terça-feira (19) benzeu o presidente Michel Temer durante a convenção nacional do PMDB teve sua hospedagem em um hotel de quatro estrelas de Brasília paga pelo partido.

De acordo com a administração do San Marco Hotel, as despesas com quatro diárias e alimentação de Roberval Batista de Uzêda, 52, conhecido como Pai Uzêda, foram faturadas em nome do diretório nacional do PMDB, que também hospedou outros participantes do evento no local.

A informação foi antecipada nesta quarta (20) pela coluna “Expresso”, da revista “Época”.

Questionado pela reportagem do UOL nesta terça, ainda durante a convenção, o presidente nacional do PMDB, senador Romero Jucá (RR), descartou a relação do partido com o pai de santo e disse que Uzêda não foi contratado pela legenda.

Em seguida, Jucá fez movimentos circulares com o dedo ao redor da orelha, gesto que indica que alguém é doido.

Uzêda circulou pela convenção com uma credencial do PMDB com a inscrição “convidado”.

Nesta quarta, a assessoria da legenda informou que o partido é responsável por arcar com despesas de participantes da convenção, e que estes são indicados pelos Estados.

O hóspede ficou de sábado (16) até ontem em um quarto individual, cuja diária custa R$ 609 se for paga diretamente na recepção do hotel. Segundo a administração do espaço, os custos foram reduzidos e giraram em torno de R$ 220 porque foram incluídos em um pacote maior em razão da convenção.

O valor total, no entanto, não foi revelado por questões de confidencialidade.

Nesta quarta, por telefone, Uzêda voltou a afirmar que teve sua hospedagem paga pelo PMDB, reforçando o que havia dito a jornalistas durante o evento.


Deixe um Comentário!