Mundo

Político sueco diz que muçulmanos não são totalmente humanos

Político sueco diz que muçulmanos não são totalmente humanos

Político sueco diz que muçulmanos não são totalmente humanos

Martin Strid, dos Democratas Suecos anti-imigração (SD), fez comentários ofensivos contra a comunidade islâmica em uma conferência nacional do partido

O político Martin Strid, dos Democratas Suecos anti-imigração (SD), fez comentários ofensivos contra a comunidade islâmica em uma conferência nacional do partido. E tal declaração foi tão ofensiva que até mesmo os próprios membros da legenda cogitam a sua expulsão.

Dirigindo-se à uma multidão de militantes, Strid disse, de acordo com várias fontes locais, que há uma escala de humanidade de 1 a 100, que os muçulmanos podem ser classificados e que nem todos eles são 100% humanos.

“Em uma ponta da escala você é 100% humano, uma pessoa, tudo que faz parte desse conceito. Por outro lado, você é 100% muçulmano”, disse ele. Ele continuou dizendo que “todos os muçulmanos estão em algum lugar dessa escala”, com militantes do Daesh “perto de ser 100% muçulmano”.

E ele não havia terminado.

“Se você é ex-muçulmano, você veio muito longe para ser totalmente humano”, ao mesmo tempo em que afirmou que queria “libertar os muçulmanos do Islã”, o objetivo é que eles se juntem à SD em vez disso.

Fonte: Sputnik Brasil

Deixe um Comentário!