Brasil Cidadania

Reitor da UFSC comete suicídio

Reitor da UFSC comete suicídio

Reitor da UFSC comete suicídio

Luiz Carlos Cancellier era investigado pela PF e havia sido preso na operação Ouvidos Moucos. Suicídio foi confirmado pelo delegado responsável pela Delegacia de Homicídios.

Do Zero Hora:


O reitor afastado da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), professor Luiz Carlos Cancellier de Olivo, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (2) em Florianópolis. Segundo a Polícia Militar, ele teria se atirado do vão central do Beiramar Shopping, por volta das 10h30min. A PM foi acionada para atender a ocorrência e chegou ao local poucos minutos depois. O delegado responsável pela Delegacia de Homicídios da Capital, Ênio Matos, confirmou o suicídio.

O local da queda foi isolado para o trabalho da perícia, e uma tenda foi usada para cobrir o espaço. O corpo foi retirado do local por volta do meio-dia e levado ao Instituto Médico Legal (IML). Cancellier teria entrado no Beiramar com o próprio carro. O shopping continuou funcionando normalmente e não há previsão de ser fechado.

Amigos e familiares, entre eles o irmão Júlio Cancellier, estiveram no shopping na manhã desta segunda-feira. A secretária de Justiça e Cidadania, Ada Faraco De Luca, e uma comitiva da UFSC também passaram pelo Beiramar.

O clima até o meio-dia era de consternação. Pessoas manifestaram tristeza em volta do local onde o corpo caiu.  Uma mulher chegou a abordar a polícia para saber quem era a pessoa morta. Ela estava preocupada que poderia ser um parente que sofre de depressão.

A UFSC divulgou uma nota de pesar e informou que as atividades foram paralisadas nas pró-reitorias e nas secretarias da administração central. As unidades acadêmicas estão reunidas para saber se as aulas da graduação e pós-graduação também serão interrompidas. (…)


Deixe um Comentário!