Nossa Política

Bolsonaro defende “morte de bandido com um tiro só”

Bolsonaro defende “morte de bandido com um tiro só”
De passagem pelos EUA, Bolsonaro fez aula de tiro e defendeu que criminosos portando armas de fogo sejam abatidos em ações policiais.

Do Congresso em Foco:


(…) “Para nós evitarmos aquele problema do policial civil ou militar, PRF [Polícia Rodoviária Federal] ao abater o inimigo, que estava atirando nele, e ser condenado por excesso por ter dado mais de dois tiros, quem sabe no futuro a gente possa colocar essa arma para ser usada no Brasil? É um tiro só”, diz o deputado, sugerindo que criminosos com arma de fogo sejam mortos em ações policiais.

“Um saco de cimento no peito do bandido. Acabou a história”, acrescenta Bolsonaro, um dos deputados da “bancada da bala” que não precisam ser financiados pela indústria armamentista para defender os interesses desse negócio. O deputado é um dos principais entusiastas, no Congresso, de questões como o armamento da população e a redução da maioridade penal, além de já ter defendido a prática da tortura como estratégia de investigação policial. (…)


3 comentários

ÚLTIMAS NOTÍCIAS