Notícias

O PSDB morreu

O PSDB morreu

O PSDB morreu

É o que diz o professor aposentado de filosofia na USP e pesquisador do Cebrap, José Arthur Giannotti, em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo.

Da Folha:


(…)

Como avalia esse impasse do PSDB de ficar ou não no governo Temer?

O PSDB morreu. Quer que eu fale de defuntos? O PSDB não é mais um partido. Funcionava como um partido quando as decisões eram tomadas em bons restaurantes e todos estavam de acordo. Agora isso não há mais. E não existe alguém como Lula para aglutinar todos.

Quanto a divulgação do áudio do Aécio Neves com o Joesley Batista prejudicou o partido?

Você me pede uma medida do desgaste? Não sei, a medida será o voto. Foi escandaloso, mas não sei qual será o efeito nas eleições.

Há um trecho do novo livro em que o senhor critica situações “quando a decisão política se transforma na gestão de uma empresa”. O senhor se referia ao prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB)?

Não, quando escrevi, o Doria não existia [escreveu antes da candidatura de Doria à prefeitura]. Além disso, eu não estaria falando dele de jeito nenhum porque gestor de empresa ele não é. Ele é um bom comunicador, que se veste de gari e assim por diante. Até agora não vi ele provar ser um grande gestor.

(…)


2 Comentários

Deixe um Comentário!