Notícias

Comandante do Exército frita general boquirroto

Comandante do Exército frita general boquirroto

Comandante do Exército frita general boquirroto – Foto: Jackson Ciceri

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, foi enfático e disse que “não há qualquer possibilidade” de intervenção militar.

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, foi enfático e disse que “não há qualquer possibilidade” de intervenção militar. “Desde 1985 não somos responsáveis por turbulência na vida nacional e assim vai prosseguir. Além disso, o emprego nosso será sempre por iniciativa de um dos Poderes”, afirmou Villas Bôas, acrescentando que a Força defende “a manutenção da democracia, a preservação da Constituição, além da proteção das instituições”.

Depois de salientar que “internamente já foi conversado e o problema está superado”, Villas Bôas insistiu que qualquer uso das Forças Armadas será por iniciativa de um dos Poderes. No sábado, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, conversou com o comandante do Exército, que telefonou para Mourão para saber o que havia ocorrido. O militar, então, explicou o contexto das declarações.

As informações são de Veja.

2 Comentários

  • Fazer um comentário sôbre a fala de um general, é um exercício de equilibrismo mental . Se por um lado achamos importante se restabelecer a moral em nosso país, conspurcada por uma quadrilha de ladrões engravatados e investidos de poder, por outro lado,quem já conviveu com regimes de exceção,sabe que nêsses casos, sempre existe a possibilidade de muitos casos de arbitrariedade. Fica difícil saber qual é o melhor caminho. Talvez uma ação dos céus, com uma CAGANEIRA GENERALIZADA surtiria um melhor efeito.

Deixe um Comentário!