Notícias

Amigo de viagens vai delatar Beto Richa

Amigo de viagens vai delatar Beto Richa

Amigo de viagens vai delatar Beto Richa

Amigo de viagens e de partidas de tênis no Graciosa Country, Fanini, segundo o Ministério Público, abastecia campanhas eleitorais de Richa e de deputados.

Do Blog do Esmael Morais:


A saída do advogado criminalista René Dotti da defesa do ex-diretor da Secretaria de Educação Paraná, Maurício Fanini, preso hoje na 3ª fase da Operação Quadro Negro, segundo operadores do Direito, indica que “certamente” o governador Beto Richa (PSDB) será delatado pelo amigo de viagens por receber propinas da educação.

Amigo de viagens e de partidas de tênis no Graciosa Country, Fanini, segundo o Ministério Público, abastecia campanhas eleitorais de Richa e de deputados com dinheiro desviado da educação. A propina era paga à construtora Valor, cujo dono também já delatou o governador do PSDB, que simulava a construção de escolas e teria repassado para o tucano R$ 12 milhões dos R$ 20 milhões surrupiados do erário.

Dotti e a equipe dele já não representam Fanini desde ontem (15). A para explicação pública para o declínio na defesa foi lacônica: “exclusivamente por motivo de foro íntimo”.

A esposa de Fanini, Betina Sguario Moreschi Antônio, também se tornou ré nesta ação da Operação Quadro Negro.

O novo advogado do casal Fanini é Omar Elias Geha, que não quer se manifestar fora dos autos do processo.

O mundo jurídico não tem dúvidas de que Maurício Fanini ruma à delação premiada.

Pelo jeito, ao que tudo indica, acabou a amizade entre Richa e Fanini.

Por sua vez, o mundo político paranaense vê como “insustentável” a situação do governador Beto Richa.

O Blog do Esmael registrou em primeira mão, no início de junho de 2015, o escândalo e a consequente queda da cúpula da Educação do Paraná na época.


Deixe um Comentário!