Blog do Mailson Ramos

Michel Temer é um achincalhe

Michel Temer é um achincalhe

Michel Temer é um achincalhe – Foto: Sérgio Lima/Poder 360

Michel Temer adquire lugar de fala de quem está sendo ameaçado por forças ocultas que querem demovê-lo do poder. Ele é um achincalhe!

Michel Temer jamais reuniu condições para ser presidente da República; está no posto por obra e desgraça de um golpe patrocinado pela mídia e por setores hegemônicos da sociedade.

Entretanto, no jogo de poder que muda ao sabor dos ventos (e das delações), a mídia ensaia um desembarque deste governo desastroso que ela ajudou a construir.

Temer foi pego com a boca na botija a perguntar se Joesley Batista estava “dando alpiste ao passarinho”.

Para escapar, Temer apela para o STF, contesta a legitimidade das gravações, critica o delator que o entregou e vê o governo diluir-se com as suas próprias fragilidades.

Em pronunciamento neste sábado, disse a seguinte frase: ‘Fui vítima de armação de bandidos que saquearam o País e querem sair impunes’.

Esta frase foi proferida por um homem que sempre foi aliado de Eduardo Cunha; chefe de um governo que tinha como principal partido de coalizão o PSDB de Aécio Neves; um mentecapto que organizou um clube de corruptos e entregou-lhes ministérios da União.

Isso só prova que Michel Temer é um achincalhe.

Brinca quando diz que tirou o país da recessão e colocou a economia nos trilhos. Subiu o tom nas críticas, fez um discurso feroz. Como todo aquele que procura se safar de uma situação difícil, Temer parte para o ataque aos detratores.

Ele é o mais puro desacerto da política brasileira, da ruptura democrática. Temer é o mais puro achincalhe, a salvaguarda do sistema corrupto que precisa manter-se no poder para escapar da Justiça. Não fosse isso ele já teria renunciado.

Se Temer caísse hoje (domingo), amanhã (segunda) estaria sem foro privilegiado e, portanto entregue nas mãos das autoridades. Isso se aplica aos ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco, encalacrados nos esquemas de corrupção tanto quanto o seu chefe.

O governo é um arremedo. Não menos farsesco é quem o dirige.

Deixe um Comentário!