Blog do Mailson Ramos Política

O golpe foi comprado

O golpe foi comprado

O golpe foi comprado – Foto: Nilson Bastian / Câmara dos Deputados

De acordo com as revelações de José Yunes, Funaro teria afirmado que com a propina da Odebrecht, o PMDB compraria apoio de 140 deputados para eleger Eduardo Cunha.

O empresário José Yunes revelou parte da conspiração que resultou na queda de Dilma Rousseff. Mas não só isso: ele também elucidou como o golpe foi comprado.

Segundo Yunes, Funaro afirmou que estava em curso uma estratégia para eleger uma bancada fiel a Cunha, para conduzi-lo à presidência da Câmara. “Ele me disse: ‘A gente está fazendo uma bancada de 140 deputados, para o Eduardo ser presidente’. Perguntei: ‘Que Eduardo?’. Ele respondeu: ‘Eduardo Cunha’”.

A eleição de Eduardo Cunha foi, sem dúvidas, o último grande passo para a deterioração da base de Dilma no Congresso Nacional, seguido pela aceitação da denúncia de impeachment (também paga pelo PSDB por R $45 mil à Janaína Paschoal).

O golpe foi comprado.

Desta feita não foi necessário arregimentar forças militares ou colocar tanques nas ruas; foi o dinheiro da corrupção que acabou mobilizando setores insatisfeitos com a política dos governos petistas.

Com poder suficiente para aprovar ou barrar qualquer projeto, Cunha se tornou aquele ser onipotente que presidia a Câmara com tentáculos cada vez mais longos e fortes. Até a casa cair.

Vergonhoso, entretanto, é que Temer, usufrutuário deste golpe comprado, ainda esteja comandando este país – além da sua quadrilha de corruptos.

3 Comentários

  • Não atoa que o LULA chamou o SUPREMO de ACOVARDADO, não atoa que o BRASIL é conhecido país de BANANAS . Com dinheiro compra-se a um impeximam .

  • é assim que funciona a direita….e…..Enquanto as mídias manipuladoras e o nosso Judiciário partidário e parcial comandam o nosso país perseguindo o PT e agora focando PMDB………….. o blindado PSDB cresce……e….o Mensalão do PSDB (1998) prescreverá em dez meses

Deixe um Comentário!