Blog do Mailson Ramos

As fotos que falam por mil palavras

As fotos que falam por mil palavras

As fotos que falam por mil palavras – Foto: Dida Sampaio/ Estadão

A “sinalização” de Moraes a Lobão, os abraços, os risos em clima descontraído só mostram que a democracia foi soterrada em nome de interesses políticos.

Há fotos que falam mãos do que mil palavras. Os golpistas, quase sem exceção, perderam a compostura e escancaram as suas maquinações políticas sem o menor pudor. Pudera! Eles deram o golpe, assumiram o poder e o resto que se exploda!

A sabatina de Alexandre de Moraes, ontem (21), foi um festival de imagens e fatos promíscuos. Tudo começa a ser questionado com a constatação de que boa parte dos senadores ali presentes é investigada pelo STF ou poderão ser num futuro breve (com o andamento das delações da Odebrecht).

Lobão, investigado na Lava Jato, aprova Moraes

Lobão, investigado na Lava Jato, aprova Moraes – Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Logo, boa parte dos senadores, como Aécio Neves, que é do partido a quem Moraes pertenceu antes de ser indicado ao STF, poderá ser investigada por ele. Entretanto, fora das críticas e questionamentos incisivos da oposição, o que se viu foi um acordo de cavalheiros para levar o mais rápido possível a votação ao plenário do Senado.

E os gestos foram registrados em fotos que parecem muito normais aos golpistas, mas que são históricas. Na foto abaixo, senadores cercam Moraes, entre eles Aécio, o mais delatado, senador do PSDB.

As fotos que falam por mil palavras

Foto: Roque Sá/ Agência Senado

O clima descontraído entre os senadores destoou da atmosfera inquisitorial em que se deu a sabatina de Luiz Edson Fachin, por exemplo. Aqueles que já conspiravam contra Dilma fizeram questão de contestar a indicação de Fachin. Ontem, com exceção da oposição, tudo era risos, abraços e palavras de apoio.

Como o apoio dado por Agripino Maia (DEM-RN), aquele senador que está envolvido até o pescoço em esquema de corrupção envolvendo a Arena das Dunas, em Natal.

As fotos que falam por mil palavras

Foto: Marcos Oliveira/ Agência Senado

Assim transcorreu a sabatina de um indicado à Suprema Corte que se deixou fotografar no Paraguai arrancando pés de maconha. O que se viu ontem foi um bando de investigados elegendo um juiz que vai julgá-los. E sobre isso nenhuma panela vai bater. Hoje as panelas são trocadas por aplausos, os mais vexaminosos.

4 Comentários

  • Eu estou desanimada. O golpe está dado, esse cara consegue ir para o STF, e o máximo que nós conseguimos fazer é colocar umas fotografias no site. E falar, falar e falar.

  • Os mais corruptos do país sentam-se no Congresso ou em lounges e tripudiam de nossa frágil democracia. Nós lemos, garimpamos as notícias, desvelamos os crimes cometidos contra o patrimônio do povo, enquanto eles riem, cientes de que têm como aliados ou clientes os que manipulam os dinheiros, os que detêm as armas, os que fazem as leis e os que julgam pessoas com base nelas. Haja criatividade para romper com isso, Mailson Ramos.

    • Caríssima Maria Regina, é preciso muita criatividade para romper com as esferas nebulosas que flutuam sobre a nossa nação: é o ódio político, o golpe, as conspirações contra o povo, nas barbas do povo. Parte da nossa sociedade – que é hipócrita e egoísta – não se sente envergonhada de lutar contra a coletividade. Só os seus interesses devem prevalecer sobre a grande maioria. É difícil escrever sobre isso quando se tem uma mídia comprada (e vendida) que combate o pensamento político progressista. Todos os presidentes da República com este perfil sofreram com a mídia. A perseguição ao trabalhismo só não é maior do que os elogios ao conservadorismo. Isso, entretanto, nos motiva. A luta dos blogs progressistas é sempre a luta de Davi contra Golias. E a cada pedra lisa (militantes) encontrada, há um motivo a mais para arriscar e atirar contra o gigante. Um dia a gente pode derrubá-lo, não é mesmo Regina?

Deixe um Comentário!