Brasil Notícias

Filme sobre a Lava Jato custará R$ 15 milhões

Marcelo Antunez e Antonio Calloni, diretor e ator, respectivamente, de 'Polícia Federal

Marcelo Antunez e Antonio Calloni, diretor e ator, respectivamente, de ‘Polícia Federal – Foto: Divulgação

A PF até emprestou armas, coletes, carros e até helicóptero. O filme, recheado de atores globais em seu elenco, tem um investidor secreto.

Saiu na Folha:


Com arma, uniforme, carro, helicóptero e avião cedidos pela Polícia Federal, “Polícia Federal – A Lei É para Todos” vai levar aos cinemas de forma “muito imparcial” a história da Lava Jato. O ponto de vista será -finja surpresa- o de policiais federais.

Mais entretenimento, menos panfleto político. Essa é a fórmula do diretor Marcelo Antunez para remontar os primeiros anos da operação que pôs meia Brasília e parte do PIB nacional de cabelos, implantes e perucas em pé.

Mas, ao adotar a ótica dos investigadores, ele arrisca se indispor com metade deste “Fla-Flu incrível que o caso criou no país”, reconhece.

“Tem gente que vai ver que nós tentamos [a neutralidade], e tem gente que vai dizer que não adiantou nada”, afirmou à Folha na semana passada, durante as filmagens.

O apartamento na Barra da Tijuca simula o dúplex no condomínio Hill House, em São Bernardo do Campo, onde Lula e sua mulher, Marisa Letícia (1950-2017), moravam.

A cena ali gravada é uma das últimas do longa de 2 horas e 10 minutos, um colosso para padrões brasileiros. A previsão de estreia é julho.


Em tempo: Abaixo uma foto que mostra o clima de “imparcialidade” do filme e os holofotes fulgurosos sobre aqueles procuradores também “imparciais” da Lava Jato; ao lado deles os atores de ‘Polícia Federal – A Lei é Para Todos‘.

Filme sobre a Lava Jato custará R$ 15 milhões

Foto: Divulgação/PF

2 Comentários

  • Atores globais… quero ver Calloni defender as cores brasileiras quando Moro terminar de afundar o Brasil com ele dentro. Como é que tem gente que se presta a isto, sabendo do horror que é viver numa ditadura camuflada como esta que roubou o poder? Serão eles surdos para emprestar seus talentos a um negócio desses?

Deixe um Comentário!