Nossa Política

Em 2017, Brasil poderá ter 3,6 milhões de novos pobres

Em 2017, Brasil poderá ter 3,6 milhões novos pobres
Em 2017, Brasil poderá ter 3,6 milhões de novos pobres – Foto: Roberto Ripper
De acordo com estimativa do Banco Mundial, o Brasil poderá ter 3,6 novos pobres no ano de 2017 por causa da recessão econômica.

Por causa da recessão econômica e do aumento do desemprego no Brasil, o Banco Mundial estima que 3,6 milhões de pessoas podem entrar na pobreza, no país, em 2017, no cenário mais pessimista. Isso considerando que a linha da pobreza seja de R$ 140 mensais por pessoa.

No cenário mais otimista, o Banco Mundial prevê 2,5 milhões de novos pobres neste ano no Brasil. O estudo diz que o aumento da pobreza será maior entre os jovens que trabalhavam no setor de serviços.

O coordenador de Desenvolvimento Humano e Pobreza do Banco Mundial para o Brasil, Pedro Olinto, explicou como é o perfil dessa população que pode ir para pobreza neste ano.

A instituição internacional sugere a ampliação do Bolsa Família para amenizar o impacto do aumento da pobreza.

O organismo informa que seriam necessários quase R$ 30,5 bilhões para o Bolsa Família, em 2017, para receber esse novo contingente de pessoas. O valor é cerca de 3% superior ao reservado no orçamento para o programa, neste ano.

Fonte Agência Brasil

Escreva um comentário