Blog do Mailson Ramos

Quem matou Teori Zavascki?

Quem matou Teori Zavascki?

Quem matou Teori Zavascki? – Foto: Rosinei Coutinho

Teori Zavascki foi vítima da atmosfera do golpe. Num dia o chamaram de petista, no outro se atrevem a dizer que o PT o matou.

Há menos de um ano, quando o ministro Teori Zavascki determinou que o juiz Sérgio Moro enviasse ao STF as investigações envolvendo o ex-presidente Lula, uma claque denominada La Banda Loka Liberal (ligada ao MBL – Movimento Brasil Livre) foi até o condomínio onde vivia o ministro, em suas passagens por Porto Alegre, chamá-lo de traidor e erguer cartazes com frases como “Teori traidor” e “Teori Zavascki pelego do PT”.

Quem matou Teori Zavascki?

Quem matou Teori Zavascki?

Elogiado em condolências após a morte, Teori Zavascki foi personagem principal de uma manifestação organizada pelo MBL em março de 2016, na Avenida Paulista. O boneco tinha três cabeças (Lula, Teori e Dilma) e foi apelidado de “Teoridra” ou “Teoreco”. A iniciativa também se contrapunha à decisão do ministro de determinar o envio das investigações sobre Lula ao STF.

Quem matou Teori Zavascki?

Na manhã de quarta (23 de março de 2016), o MBL divulgou os contatos do ministro no Supremo, como telefone e e-mail, e divulgou a hashtag #OcupaSTF. Em outra postagem, o movimento chamou o ministro de “petralha”: “Brasileiros e Brasileiras, acabou, o golpe foi dado! #TeoriPetralha manda investigação ao STF, isso ñ vai prosperar! Vamos #OcupaSTF e fim!”.

O músico Lobão também divulgou o endereço da casa do filho do ministro em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde ocorreu manifestação com faixas em defesa do juiz Sérgio Moro. Abaixo a imagem da publicação no Twitter que não deixa dúvidas do quanto estes grupos fascistoides utilizaram as suas claques para coagir e acossar inclusive ministros da Suprema Corte.

Quem matou Teori Zavascki?

Teori Zavascki também recebeu ameaças por e-mail, telefone e pelas redes sociais, como alega o seu filho Francisco Prehn Zavascki. Muito possivelmente estas ameaças foram resultado da divulgação de contatos pessoais feitas por grupos como o MBL e os seus apaniguados.

Morto Teori Zavascki, os seus familiares recebem do MBL e de gente que ele investigava na austeridade de suas atribuições, as mais exaltadas condolências. E não satisfeitos eles conspiram contra o Partido dos Trabalhadores, criam uma atmosfera de ódio, para eles uma verdadeira expertise. Num dia chamaram o Teori de petista, no outro se atrevem a dizer que o PT o matou.

Ainda cedo para afirmar o que aconteceu naquele avião. Mas é hora de perceber que a onda de ódio tem produzido vítimas ainda que não fatais. E muito mais nociva do que esta onda de ódio é o efeito que a produz: a ilegitimidade. O golpe colocou a nação de joelhos. Entregou o poder a uma quadrilha que não escondeu em nenhum momento o intuito de acabar com a Lava Jato.

O Brasil vive sob uma atmosfera pesada. Conspirou-se para derrubar uma presidenta da República por um crime (pedaladas) que duas semanas depois foi transformado em lei para privilegiar aquele que assumiu o poder. Vivemos a sensação do domínio de uma força paralela que é capaz de matar para se manter no poder. É gente que vê trinta cabeças rolando num pátio de presídio e pede mais.

Para este tipo de gente a vida não vale nada.

3 Comentários

  • É muito grave o que está ocorrendo no Brasil, a sociedade em geral deveria se unir, com inteligência e discernimento, sem se deixar manipular, e sem se coagir, e paralisar geral o país, inclusive partir pro confronto direto com os representantes dos poderes constituídos, (polícias em geral) uma vez que por força de suas próprias legislações, são obrigados a terem que “agir”, mas, suas ações dentro do certo, privilegiam e favorecem somente aos corruptos governamentais em todas as esferas do poder, ou ficarmos quietinhos, no conforto psicológico de nossas pobrezas culturais e materiais sentindo o aço quente com arestas, vermelho em brasa arrombando-nos. Tanta tecnologia nos dias atuais, tantas informações, mas que nada valem, pois os brasileiros de bem dormem o sono eterno, letárgico e fatal; deslumbrado-se de forma quase hipnótica com as notícias dos meios de comunicações, e com os prodígios e capacidades dos corruptos e suas ações, mas não possuem senso de realidade e dignidade de sua própria existência e sobrevivência. Querem que as forças armadas, que são constituídas por pessoas nobres e valorosas, assumam o país, porque possuem armas? Porque vestem uniformes? Ou eles são melhores que os milhares de pais e mães de famílias que quando empregados, mal dá pra sustentar os seus com o que ganham, que nos dias atuais sem uma perspectiva correta de sua futura aposentadoria e quando desempregados, se desintegram seus núcleos, gerando misérias, fome, solidão, doenças e marginalização. A luta é de todos nós, não só das forças armadas, e eles são parte dos poderes constituídos, são parte de nós, mas lutarão contra o governo? Não se esqueçam.

    • As coisas são feitas pela justiça o povo em geral não tem capacidade de assumir o poder não sabem nem votar direito e sempre tera uma parcela maior que sera manipulada ,apesar de tanta informação , os militares não são apenas melhores são organizados , tem muito conhecimento tecnico para realizar qualquer empreendimento e possuem disciplina , coisa que este povo precisa aprender se quiser se organizar para uma luta ,por mais que vc tente se organizar para enfrentar a policia vc sempre vai perder , mesmo porque uma guerra e feita com armas e não com gritos ,e o povo foi desarmado , esse tipo de luta enfrentando a policia e o poder so demonstra a revolta do povo ,mas não vai derrubar os poderosos, o que derruba um homem é uma arma e quem tem o poder belico são os militares que nunca mais vão assumir o poder

Deixe um Comentário!