Notícias

Temer não vai a Chapecó com medo de vaias

Temer não vai a Chapecó com medo de vaias

Temer não vai a Chapecó com medo de vaias – Foto: Marcos Corrêa/PR

Michel Temer iria a Arena Condá para acompanhar a chegada dos corpos. Mas, com receio de vaias, resolveu desistir da viagem.

Saiu no Globo:


Temer não deve ir ao velório no estádio da Chapecoense por temor de vaias

O presidente Michel Temer irá a Chapecó nesta sexta-feira, para prestar solidariedade após o acidente que matou 71 pessoas com a queda do avião da Chapecoense na última terça-feira. Entretanto, com receio de vaias, não deve ir para o estádio para o velório que está sendo organizado na Arena Condá. A previsão é de que Temer fique no aeroporto da cidade, acompanhando a chegada dos corpos.

A equipe do Palácio do Planalto que vai a destinos do presidente com antecedência chegou a Chapecó no começo da tarde desta quinta-feira. Pela manhã, o governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, reforçou o convite a Temer para que ele vá à cidade. Temer deve ficar somente no aeroporto, acompanhando a chegada dos corpos, que virão em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB).

Há receio de que Temer seja vaiado no campo de futebol. Nas duas últimas experiências do presidente em estádios, no Maracanã, houve vaias. Ele foi hostilizado tanto na abertura da Olimpíada, em agosto, no Rio de Janeiro, quanto na cerimônia inicial da Paralimpíada, também no Rio.

O velório está previsto para o meio-dia na Arena Condá, estádio da Chapecoense, mas o horário da chegada dos corpos ainda não está fechado. Dos 71 corpos, 51 devem ser velados no estádio. Familiares terão uma hora de funeral reservado antes dos torcedores. Em seguida, os corpos serão levados às cidades onde serão enterrados. O clube espera mais de cem mil pessoas na cerimônia.


4 Comentários

Deixe um Comentário!