Notícias

Agripino Maia e os R$ 16 milhões

Agripino Maia e os R$ 16 milhões

Agripino Maia e os R$ 16 milhões – Foto: ABr

Um dos ferrenhos adversários do PT, José Agripino Maia é alvo de um inquérito no STF; o DEM, seu partido, teve o sigilo bancário quebrado.

Para investigar operações suspeitas feitas por Agripino Maia, que teria realizado operações no valor de R$ 15,9 milhões durante a construção da Arena das Dunas, em Natal, o ministro Luís Roberto Barroso, do STF, autorizou a quebra do sigilo bancário do diretório nacional do DEM entre os anos de 2012 e 2014.

Informações de relatório do Conselho de Controle de Atividades financeiras (Coaf) que integra inquérito no STF revelam que com a ajuda de parentes, assessores e empresas com as quais tem ligação, José Agripino Maia, teria realizado operações suspeitas no valor de R$ 15,9 milhões entre dezembro de 2011 e novembro de 2014. O indício é de que houve lavagem de dinheiro.

Agripino é investigado sob suspeita de ter recebido o dinheiro como propina da OAS, uma das empreiteiras alvo da Lava-Jato. Em troca, o senador teria viabilizado a liberação de recursos do BNDES para a empreiteira, para financiar a construção do estádio Arena das Dunas, em Natal, construído para a Copa de 2014.

Para a PF, os elementos da investigação até agora fornecem “reluzentes indícios de que, de fato, as obras referentes à Arena das Dunas em Natal, entre 2011 e 2014, passou por diversos entraves perante os órgãos de controle e o próprio banco público financiador do empreendimento, o que corrobora a suspeita de que José Agripino Maia efetivamente atuou com a finalidade de auxiliar a empresa, destinatária do financiamento, na superação dessas dificuldades”.

Diálogos registrados no celular de Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, são alguns dos elementos comprobatórios da relação de Agripino com a empreiteira.

Com informações de agências.

4 Comentários

  • Agripino Maia, temer, renan, sagui mamador, angorá, serra, Aloysio, jucá, picolé de chuchu, rodrigo maia, mineirinho, cassio cú na lima, embaça aí, cabral. com certeza absoluta receberam PROPINA, pois são todos do PT, e foram obrigados pelo LULA. Pois parte do dinheiro ia para dona Marisa Letícia, comprar o iate. Segundo eu li na VEJA.

  • Agripino Santo do Pau Oco! Adora apontar os outros, quando ele tem rabo preso! E aquela vozinha insuportável! Que seja engaiolado e devolva o que surrupiou!

  • E o PT é que era corrupto, não é? A dificuldade é negociar com essas facções rentistas, que tb são eleitas, sem chafurdar na lama que criaram e criam. Especialmente agora que descobriram que, juntas no congresso, solapam a soberania popular e destituem e nomeiam quem quiserem.

    • Exatamente! O coitadinho do PT foi forçado a se corromper para negociar com o PMDB, o PP, o PR, o PC do B, o DEM etc. Não é mesmo? Coitados daqueles políticos petista tão honestos, que tiveram de se corromper para se adequar ao sistema! Coitado daquele líder de origem proletária que foi obrigado pelas elites a aceitar imóveis e outras benesses, só para ficar igual aos seus pares da cúpula governamental! Quanto sofrimento ser forçado a aceitar propinas!

Deixe um Comentário!