Blog do Mailson Ramos

Golpe final: MPF denuncia Lula

Golpe final: MPF denuncia Lula

Golpe final: MPF denuncia Lula – Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Concretizado o golpe. O Ministério Público coloca sobre Lula a responsabilidade por comandar o esquema de corrupção da Lava Jato.

Os “procuradores midiáticos”, como bem disse o Eugênio Aragão, em sua carta histórica ao Rodrigo Janot, detalham neste momento, de Curitiba, os valores da suposta propina recebida pelo ex-presidente Lula.

O golpe se concretiza.

Diante dos olhos de uma sociedade atônita que viu a democracia perecer em mãos ardilosas, o Ministério Público toma como mote a ideia de tornar Lula, no mínimo, inelegível. Foi para isso que Léo Pinheiro retornou aos domínios de Sérgio Moro.

Não mais para falar sobre a propina a Aécio Neves ou relatar algo que pudesse estremecer a ideia de não há corrupção além do PT, ou dos partidos de esquerda, agora e sempre criminalizados.

Lula não deve estar no pleito de 2018. Não por impossibilidades físicas, nem por decisão pessoal; não deve chegar à disputa porque os adversários ainda o temem. A caçada impiedosa é reflexo do receio. Quem poderia se insurgir como antagonista a este governo já desastroso de Michel Temer?

Quem poderia organizar forças em torno de um pacto social em que o povo se sinta representado?

Concluída a primeira parte do golpe – que foi derrubar Dilma – a República de Curitiba caça Lula sob o signo das provas arrancadas a ferro e fogo.

Tudo isso fizeram para devolver a uma elite sanguessuga o gosto do exclusivismo social; para arregimentar forças em torno de um projeto estagnado em 2001 de entregar o país numa caixinha de presente, amarrada com laço em verde e amarelo ao capital externo.

Regozijam-se os “patriotas” que vestiram a camisa da seleção para pedir o fim da corrupção. Sabem eles que a corrupção se fortalece nas fileiras deste governo golpista. Mas é melhor viver no país do faz-de-conta onde a mídia recria uma realidade promissora para os amigos e o purgatório para os inimigos. E viva o Brasil.

 A cabeça de Lula entregue para finalizar o golpe e dar a Sérgio Moro os louros de uma vitória com passaporte para as conferencias nos EUA, onde dirá para americanos crédulos que lutou contra a corrupção no Brasil.

No Brasil, em céu de brigadeiro, voarão urubus e tucanos. Urubus porque a sujeira (corrupção) continuará vicejando; e tucanos porque nenhum deles estará preso.

5 Comentários

Deixe um Comentário!