Notícias

Geddel Vieira Lima: Assumir cargo sem votos é “gostoso”

Geddel Vieira Lima: Assumir cargo sem votos é “gostoso”

Geddel Vieira Lima: Assumir cargo sem votos é “gostoso” – Foto: ABr

Para Geddel Vieira Lima, a sensação e assumir um cargo executivo sem voto popular é “gostosa”. E o que significa o voto popular para um golpista, não é mesmo?

O navegante Uenderson Silva perguntou ao Geddel: “Me explica como é a sensação de assumir um cargo executivo sem voto popular?”

E o ministro da Secretaria de Governo de Temer responde: “Gostosa”.

O diálogo foi registrado no Twitter.

Geddel Vieira Lima: Assumir cargo sem votos é “gostoso”

O ministro da Secretaria de Governo, que gosta de declarações de impacto, afirmou nesta semana que reforma trabalhista e da Previdência vai doer como injeção, numa alusão ao que causa sofrimento, mas é necessário.

Léo Pinheiro, dono da OAS (e que foi conduzido hoje conduzido sob vara por Sérgio Moro) diria sobre o peemedebista: “Se você chamá-lo para um whisky resolve”.

Figurinha carimbada na guerra contra Dilma, Geddel foi recompensado com uma posição e um cargo contíguos ao Temer.

Para que voto popular se existe a possibilidade de dar um golpe e assumir o poder?

1 Comentário

Deixe um Comentário!