Cidadania Notícias

Patroa demite faxineira por ela ser mãe solteira

Patroa demite faxineira por ela ser mãe solteira

Patroa demite faxineira por ela ser mãe solteira – Foto: Reprodução

Vivemos ou não no país da insensatez? É ou não é o país da hipocrisia? Uma patroa demitiu sua empregada por ela ser mãe solteira.

No Estadão:


Patroa demite mãe solteira porque ‘não pode aceitar esse tipo de gente’

Uma publicação de uma página do Facebook gerou revolta na rede social por evidenciar um caso de preconceito. Publicados pelo “Diário de uma mãe solteira” na última sexta-feira, 24, prints de uma conversa de WhatsApp denunciam uma patroa que dispensou uma faxineira porque a prestadora de serviço tem filhos e não é casada. De acordo com a empregadora, não seria possível “aceitar esse tipo de gente” na casa dela.

A justificativa se estende para os filhos, que poderiam “aprender algo errado”, e o marido, porque não queria “esse tipo de gente” perto dele. Apesar do pedido – até desesperado – da faxineira, a decisão de demiti-la não se altera e a empregadora afirma que o dinheiro devido poderá ser retirado com o porteiro do prédio.

Até o momento, o post conta com cerca de 8,9 mil reações (entre curtidas e emoctions de tristeza e raiva), mais de cinco mil compartilhamentos e 1,2 mil comentários, a maioria de indignação.

1467143682069

[color-box color=”white”]NP

 

 

Muita gente neste país desfila sob a capa do politicamente correto, mas no fundo o que existe é muito preconceito. Esta mãe solteira não difere da Jéssica (que não podia estudar na universidade do filho da patroa da mãe), das babás que empurravam carrinhos de bebê, enquanto os patrões participavam das manifestações.

Disse o Papa Francisco: “Não existem mães solteiras. Existem mães. Porque mãe não é um estado civil”.

Existem pessoas capazes de serem monstruosas e incapazes de viver em sociedade. A elas não se pode dispensar senão o desprezo. Quantas mães solteiras conhecemos que são mais idôneas e sensíveis do que esta mulher? O preconceito é parte desta sociedade hipócrita que não se envergonha de ter as piscinas cheias de ratos, como diria Cazuza. [/color-box]

Deixe um Comentário!