Notícias

Roger e o ultraje, a rigor

Roger e o ultraje, a rigor

Roger e o ultraje, a rigor – Foto: Ricardo Borges/Folhapress

O Roger critica e não quer ser criticado. O resultado da patrulha ideológica que ele exerce nas redes sufoca até o que chama de profissão, que é cantar. Depois reclama.

Quem não quer ser patrulhado e não suporta as cobranças dos adversários políticos que não entre na briga!

O momento é de exasperação. Por quê? Não vai ter golpe!

Saiu na Folha:


Na abertura dos Stones, Roger xinga plateia em show do Ultraje

Crítico notório do governo Dilma e do PT, o vocalista e líder do Ultraje a Rigor, Roger Moreira, discutiu com parte da plateia que assistia ao show de sua banda na noite deste sábado (20), na abertura da apresentação dos Rolling Stones no Maracanã.

A banda, que atrasou sua entrada no palco por causa da que caiu no início da noite, começou o show com o clássico “Inútil”.

Ao terminar a música, Roger começou a ser vaiado e chamado de “coxinha” por parte da plateia da área VIP, e reagiu.

“Vocês vão cair”, disse, tomando os críticos como apoiadores do governo e mostrando o dedo médio.

“Coxinha é a mãe de vocês”, prosseguiu, antes de “dedicar” a canção seguinte ao grupo que o criticava.

“Essa música vai para essa galera aí”, disse o cantor antes de executar “Filha da Puta”, um dos sucessos de sua banda.

Ao fim da canção, o cantor gritou “ladrão, corrupto, safado”.

A apresentação durou pouco menos de uma hora e contemplou os principais hits da banda — como “Dinheiro”, “Sexo”, “Ciúmes” e “Marylou”.

(…)


2 Comentários

Deixe um Comentário!