Blog do Mailson Ramos

A Lava Jato se mantém viva com foco sobre o Lula

A Lava Jato se mantém viva com foco sobre o Lula

A Lava Jato se mantém viva com foco sobre o Lula – Foto: Fernando Bizerra Jr/EFE

A Operação Lava Jato completará dois anos no próximo dia 17 de março. Arrasta-se já sem o apoio maciço da opinião pública e foca em Lula para se manter viva.

A Operação Lava Jato tenta sobreviver sem destino. Não há mais para onde ir, não há mais combustível para queimar com prisões espetaculares e espetaculosas; não há mais as revelações dantescas de outrora que repercutiam na grande mídia por semanas e mais semanas.

Ela chegou ao fim temporal, mas não lhe permitiram que chegasse ao fim simbólico. É como uma vela gasta, com o pavio se afogando na resina, mas resistindo em ficar de pé para se manter aceso.

Para se manter acesa a Lava Jato do Moro precisou do Lula , do tríplex e do sítio de Atibaia. Um navegante postava há alguns dias no Facebook que a Lava Jato tinha acabado, agora era só punir os culpados e fim de papo. Ele não deve conhecer os intuitos do Dr. Moro. A Lava Jato só acaba quando prenderem o Lula.

Isso está tão claro quanto o céu de Salvador nestes últimos dias. Límpido!

A Lava Jato quer ratificar o que pensa a massa antipetista: o Lula é o mentor de toda a roubalheira na Petrobras e com o dinheiro comprou um sítio e um tríplex no Guarujá. Sem contar o barquinho de lata da D. Marisa!

Desde novembro de 2015 já se considerava, a partir de pesquisa do Vox Populi, que a opinião pública havia perdido o interesse pela Lava Jato. Ela estava se apagando como aquela vela embebida em resina.

A Zelotes, que não precisava de espetáculos da mídia porque por ela sempre foi abafada, mudou o roteiro das investigações para se tornar mais palatável. Entrou no roteiro quando deixou de falar sobre os grandes sonegadores do país e aderiu ao Lula. Ele deve dar muita audiência mesmo!

Aos poucos começam a surgir chaves pelo meio do caminho que nos permitem questionar a operação. O japonês da PF, por exemplo, está sendo disputado entre dentes por partidos para concorrer à vaga de vereador em Curitiba. Era para isso a exposição diante dos presos? Servia para isso o espetáculo?

A questão já não é mais de seletividade da justiça porque este é mal que não tem cura. Devemos observar sim os passos trôpegos do Moro e dos procuradores do MPF. Para que eles, na abstinência dos holofotes midiáticos, não cometam arbitrariedades.

1 Comentário

  • Sim, a tua vontade é que o país continue a ser roubado, o povo pagando a conta com miséria enquanto os corruptos e os que mamam nas tetas do governo continuem enchendo as burras de dinheiro. Este é um pensamento imoral, canalha e vigarista.

Deixe um Comentário!