Notícias

MBL: Brasil tem de sofrer com desgaste do governo

MBL: Brasil deve sofrer com desgaste do governo

MBL: Brasil tem de sofrer com desgaste do governo – Foto: JP

Para Kataguiri, aquele rapazinho irresponsável do MBL que pensa entender tudo de política, o povo deve sentir as consequências da crise até que se resolva a questão do impeachment.

Tem doido para tudo. Até mesmo para achar que a crise política e o desgaste do governo são coisas benéficas para o Brasil. Do ponto de vista de Kim Kataguiri – se é que se pode chamar isso de ponto de vista – o recesso vai ajudar a piorar humor do brasileiro em relação à presidenta Dilma.

Enquanto os grandes industriais e executivos deste país pedem a rápida solução do imbróglio político, este irresponsável ganha espaço na Folha de S.Paulo para desferir tal inconsequência. Coisas do Brasil de 2015. Que ano!

MBL quer prolongar impeachment para aumentar desgaste do governo

Articulado com a oposição, o MBL (Movimento Brasil Livre), grupo que pede a saída da presidente Dilma Rousseff, quer que o impeachment siga um ritmo mais lento no Congresso, para aumentar o desgaste do governo. Seus integrantes defenderam, nesta sexta (4), que os parlamentares entrem em recesso em 23 de dezembro, como estava previsto inicialmente.

Com a suspensão das atividades dos deputados no fim do ano, segundo o MBL, haverá mais tempo para a realização de manifestações de rua e para o amadurecimento da tese do impeachment.

Na avaliação do movimento, com o recesso, os deputados voltarão para seus Estados e serão pressionados por suas bases eleitorais. Também haverá mais tempo para a população sentir os efeitos da crise – piorando o humor em relação a Dilma.

“A população tem que ter esse tempo para compreender o crime fiscal [de que o governo é acusado] e, ao mesmo tempo, sentir as consequências da crise gerada pela própria presidente. E tem mais os desdobramentos da Operação Lava Jato, com novas delações”, disse Kim Kataguiri, um dos líderes do MBL.

(…)

Deixe um Comentário!