Nossa Política » Notícias » As 17 grandes obras do governo Dilma

Notícias

As 17 grandes obras do governo Dilma

As 17 grandes obras do Governo Dilma
Em tempos de recessão, a mídia costuma acentuar o mau momento. O site Nossa Política, no entanto, apresenta 17 obras do governo Dilma que você talvez nunca tenha ouvido falar.

No último mês de junho, o Ibope apresentou pesquisa sobre o pessimismo do brasileiro. Segundo o levantamento, 41% entrevistados acreditavam que a imprensa mostra uma situação econômica mais negativa do que a realidade.

Não se pode esperar de uma imprensa isenta que ela altere o cenário; ela pode refletir o que está acontecendo. E fazer jus à verdade factual. Acontece que a imprensa brasileira não age desta maneira.

Boas notícias em meio a um turbilhão catastrófico podem nos fazer pensar um pouco mais sobre o martelo midiático que esmaga a cabeça dos brasileiros todos os dias, uma cópia alterada da realidade. Sofremos uma recessão, mas podemos sair dela o mais rápido possível.

Abaixo as 17 grandes obras do governo Dilma. Conquistas que não aparecem nos jornais e são trocadas pela alta do dólar e a redução do PIB.

1- Ponte do Rio Negro – Amazonas

Obras Governo Dilma Rousseff

Inaugurada no dia 24 de outubro de 2011, a Ponte Rio Negro, que liga a cidade de Manaus ao município de Iranduba, já é uma das principais atrações turísticas da capital amazonense. A ponte oferece uma belíssima visão panorâmica do impressionante rio Negro, o maior rio de águas negras do mundo, que está em sua plenitude no fim da cheia, por volta do mês de junho.

É considerada a maior ponte fluvial e estaiada (suspensa por cabos) do Brasil, com 3,6 quilômetros de extensão (3.595 metros). É também a segunda maior ponte fluvial no mundo, superada apenas pela ponte sobre o rio Orinoco, na Venezuela. Outro dado que impressiona é o valor da obra: mais de R$ 1 bilhão.

É a única ponte sobre o rio Negro e liga o bairro da Compensa, Zona Oeste, em Manaus, à rodovia AM-070, também chamada de Rodovia Manuel Urbano (Manaus-Manacapuru), em Iranduba.

2- Ferrovia Norte-Sul – (Cinco Estados)

Obras Governo Dilma Rousseff

A ferrovia foi concebida sob o propósito de ampliar e integrar o sistema ferroviário brasileiro. Ligará Senador Canedo (GO), a Belém (PA), conectando-se, a sul, em Anápolis (GO), com a Ferrovia Centro-Atlântica, e, a norte, em Açailândia (MA), com a Estrada de Ferro Carajás. Ao longo de seu trajeto, a ferrovia segue paralela à Rodovia Belém-Brasília (BR-153; BR-226 e BR-010) e ao leito do Rio Tocantins. As obras da ferrovia iniciaram-se em 1987, durante o governo do presidente José Sarney. Atualmente encontra-se pronto o trecho entre Açailândia (MA) e Palmas (TO).

O trecho de 682 km da Ferrovia Norte-Sul, situado entre as cidades de Ouro Verde (GO) e Estrela do Oeste (SP), está com 70% das obras concluídas. Em outro trajeto da obra, já finalizado entre Tocantins e Goiás, são 855 km de ferrovia já em operação.

3- Ferrovia Transnordestina – Ceará, Pernambuco e Piauí

Obras Governo Dilma Rousseff

A Nova Transnordestina é uma obra ferroviária para ligar o Porto de Pecém, no Ceará, ao Porto de Suape, em Pernambuco, além do cerrado do Piauí, no município de Eliseu Martins, num total de 1.728 km.

4- Ponte sobre o Rio Madeira – Amazonas/Rondônia

Obras Governo Dilma Rousseff

A obra iniciada em maio de 2010, é a primeira obra sobre o rio Madeira com 975 metros de extensão por 12 metros de largura, sendo 9,40m de pista, faixa de rolamento e parte da passagem de pedestres. As fundações da ponte têm cerca de 35 metros de profundidade. A construção durou mais de quatro anos e envolveu cerca de 1,2 mil trabalhadores.

5- Usina Eólica Arizona – Rio Grande do Norte

Obras Governo Dilma Rousseff

Este projeto Eólico Arizona tem o objetivo de reduzir as emissões de Gases do Efeito Estufa (GEE) contribuindo assim para o desenvolvimento sustentável através da construção de uma usina de energia eólica localizada no município de Rio do Fogo, no estado do Rio Grande do Norte. Através deste projeto, será possível a geração de energia renovável ao sistema interligado brasileiro, evitando a geração de eletricidade por fontes de combustíveis fósseis.

6- BRT Transcarioca – Rio de Janeiro

Obras Governo Dilma Rousseff

O BRT TransCarioca é um importante sistema de transporte público metropolitano de Bus Rapid Transit da cidade do Rio de Janeiro que liga a Barra da Tijuca ao Aeroporto Internacional Tom Jobim, fazendo parte do pacote de obras proposto pela prefeitura para melhorar o transporte público da cidade para os Jogos Olímpicos de 2016.

7- Metrô de Salvador – Bahia

Obras Governo Dilma Rousseff
Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Com negociações e obras que se arrastaram desde o ano de 1997, o Metrô de Salvador só foi inaugurado em 2014, pela presidenta Dilma Rousseff.

8- Ampliação e reforma de 13 aeroportos

Obras Governo Dilma Rousseff

Em Salvador, São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Natal, Belo Horizonte, Porto Alegre, Manaus, Fortaleza, Maceió, Cuiabá e Curitiba os aeroportos foram reformados e ampliados. A capacidade dos aeroportos triplicou e todas as pistas foram reformadas, estacionamentos ampliados e terminais ampliados e modernizados.

9- Porto Sul da Bahia

Obras Governo Dilma Rousseff
Foto: Elói Corrêa/ GOVBA

Maior projeto portuário em curso no país, o Porto Sul, no município de Ilhéus, finalmente deve começar a ser construído, após quatro anos de espera pela liberação da licença de instalação pelo Ibama. O complexo, que prevê investimentos totais de R$ 5,6 bilhões em 25 anos, deve entrar em operação em 2017.

10- Ponte Anita Garibaldi – Santa Catarina

Obras Governo Dilma Rousseff

A ponte Anita Garibaldi em Laguna (SC) será a primeira ponte estaiada em curva do mundo e a terceira maior ponte do Brasil, com 2.830 metros de extensão. A obra faz parte do PAC-2 e impressiona pela sua magnitude.

11- 1 milhão de cisternas – Nordeste

Obras Governo Dilma Rousseff

Em todo o semiárido, foram entregues 545,7 mil cisternas e 54,7 mil tecnologias de apoio à produção agrícola. O governo tem a meta de distribuir, até o final de 2014, 750 mil unidades para consumo familiar e 76 mil de apoio à produção. Com as 350 mil entregues por Lula, são mais de um milhão de cisternas ajudando a combater a seca.

12- Porto do Açu – Rio de Janeiro

Obras Governo Dilma Rousseff

O Superporto do Açu está localizado no município de São João da Barra, norte do Estado do Rio de Janeiro, mais especificamente no distrito de Açu. Sua localização é estratégica para a indústria do petróleo, por ser próximo às bacias de Campos e do Espírito Santo, podendo ser utilizado de base também a operação da Bacia de Santos.

13- Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho – Pernambuco

Obras Governo Dilma Rousseff

O perímetro irrigado de Nilo Coelho, localizado na cidade de Petrolina, no semiárido pernambucano, é o maior do Brasil em produção. Em 2013, o valor bruto de produção foi superior a R$ 700 milhões, com destaque para a fruticultura. Com área irrigável de 18.563 hectares, Nilo Coelho beneficia cerca de 2.200 famílias. O perímetro também prevê a geração de 20 mil empregos diretos e 30 mil indiretos.

14- 2,75 milhões de moradias do Minha Casa Minha Vida

Obras Governo Dilma Rousseff
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

Lula entregou 1 milhão de moradias na primeira etapa do programa Minha Casa Minha Vida. Na segunda etapa, Dilma já entregou 2,75 milhões de casas e o projeto da terceira etapa prevê mais 3 milhões a partir de 2015.

15- 23 universidades e 152 campi criados

Obras Governo Dilma Rousseff
Foto Marizilda Cruppe.

Na foto acima, a Universidade Federal do ABC, criada por Lula e ampliada por Dilma, considerada uma das melhor a melhor do Brasil.

16- Usina Hidrelétrica de Belo Monte – Pará

Obras Governo Dilma Rousseff
Foto Marizilda Cruppe.

Terceira maior hidrelétrica do mundo, a Usina de Belo Monte terá capacidade energética para atender a 60 milhões de pessoas.

17- Usina Hidrelétrica de Estreito – Maranhão

Obras Governo Dilma Rousseff

Com capacidade de geração energética de 1.077 MW, a usina de Estreito foi inaugurada no mês de maio pela presidenta Dilma Rousseff.

10 Comentários

Clique aqui para escrever um comentário

  • PATEL E CHAT ACEITA TUDO ESSA IDEIA SÓ VALE PARA QUEM LER APENAS MANCHETE SEM ANALISAR O CONTEÚDO O PT FEZ POR ESSE PAIS O QUE TODOS OS GOVERNOS ANTERIORES NÃO FIZERAM VALORIZANDO O SER ENQUANTO OS OUTROS SÓ VALORIZARAM O TER A PROVA ESTÁ AI SÓ NÃO VÊ QUEM ESTÁ DOUTRINADO A NÃO VER

  • TODO DINHEIRO GASTOS NESSES MONUMENTOS E, MUITOS OUTROS QUE BENEFICIAM DIRETAMENTE AO POVO BRASILEIROS, COMO OS INSTITUTOS FEDERAIS, CONSTRUÇÕES DE UNIVERSIDADES, CONSTRUÇÕES DE ESCOLAS E CRECHES, MELHORIAS DE SALÁRIOS, CONSTRUÇÕES DE RODOVIAS, ETC., A OPOSIÇÃO CONSIDERA DINHEIRO ROUBADO, POIS, SÃO GASTOS QUE BENEFICIA, TAMBÉM, A POBREZA.

  • Se Dilma tivesse investido maciçamente em publicidade para mostrar as obras de seu govêrno, seria acusada de mau uso do dinheiro público…. Mais um item para os acusadores.

  • eu joão honorato da silva alagoano fiquei muito desepcionado com os parlamentar do nodeste lula e dilma foi o melhor presidente que o brasil ja teve e nãoesta amostrando que foi feitas em toudos os estados do nodeste eu gostaria de ver as obras da transpusição do rio são francisco eu mim pergunto para quer este superior tribunal federal que justisça é essa que deicha cassar o mandato de uma presidenta honesta sem crime sro menistros não ceio como senhores concége dumir

  • …-desde o anuncio da reeleição da presidenta Dilma a orquestração dos inconformados com as derrotas nas urnas (Quarta… derrotas seguidas),não a deixaram mais governar o país todos os tipos de sabotagens foram identificados desde o congresso que procurou não mais aprovar nenhuma matéria governamental ás criticas pejorativas procurando jogar toda a sociedade contra o governo ,procurando desqualificá-lo perante a opinião pública e os países vizinhos através da mídia PIG…desinformando a nação quanto a realidade do país e todo fazendo para levá-lo a uma total falência das instituições…isto aos olhos vistos de um Supremo sem atitudes e explicitamente favorável aos acontecimentos…-deste poder já se era de esperar a inércia ,o comodismo e a conivência com os fatos …ora, nos idos dos anos sessenta deu cobertura moral se não idealizou o golpe dos “amotinados de sessenta e quatro”,deu apôio ao projeto de colonialismo e de exploração do país pelas multinaciona
    is por mais de duas décadas e até hoje não prestou contas dos seus atos á cidadania,por isso talvez acomodado sob os apulpos dos ‘Eunucos mentais(com raras excessões) de Brasilia”…e sob as luzes dos refletores globais…ensaiando o vedetismo de algum ministro que como forma de piada sentou-se sobre farta documentação que comprometeu o processo de desenvolvimento democrático cooperando para este estado de coisas em que se encontra a nação….–criou-se então como um gover
    no paralelo ao legítimamente eleito… e como n’um estado parlamentarista decediu-se dest’arte, agora os trágicos destinos da nação … -aos que ainda acreditam em uma “espetacular ” vira-volta pacífica deste estado de coisas…-Shallom Aleichem !…-Goethe-Br

  • O nosso páis é lindo, e estas obras só o engrandece, pena é o governo federal atual não ter uma oposição politica, e sim inimigos mercenários, tambem inimigos do povo brasileiro.

    • Se a presidente Dilma tivesse dado publicidade a essas obras como manda a constituição, certamente, estaria livre desse famigerado impeachment. incompetencia ou fraude publicitária,? voce decide.

  • Ao ver noticias apenas em jornal da globo e record, e postagem em Facebook ,whatsapp, o povo vai continuar desenformado e sem intelectualidade!