Notícias

Grupo panfleta em velório: “petista bom é petista morto”

Grupo panfleta em velório: “petista bom é petista morto”

Grupo panfleta em velório: “petista bom é petista morto” – Crédito: Flavio Tavares/Jornal Hoje Em Dia

 

Grupo de manifestantes atirou panfletos durante velório do ex-presidente do PT, José Eduardo Dutra. Papeis tinham os seguintes dizeres: “petista bom é petista morto”.

Os familiares e amigos do ex-presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) José Eduardo Dutra tiveram que enfrentar um ato hostil e moralmente violento durante o velório de Dutra, nesta segunda-feira (5). No começo do funeral, um pequeno grupo chegou ao local, em Belo Horizonte (MG), e jogou na rua panfletos com os dizeres “petista bom é petista morto”.

Pouco tempo depois, algumas pessoas protestaram contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no mesmo local. Para o deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), o desrespeito durante o velório de Dutra é resultado da propagação do discurso de ódio e intolerância em relação ao PT e da maneira “conivente e omissa como a mídia protege expressões criminosas”.

Na avaliação do deputado, a conivência da imprensa funciona como um “incentivo” para atos como esse, a exemplo do advogado que ameaçou a presidenta Dilma Rousseff de morte, em vídeo publicado nas redes sociais.

“Historicamente as expressões de ódio não se dirigem a pessoas, mas a grupos. Pessoas que fazem isso traduzem uma espécie de orientação ideológica que respalda ‘Bolsonaros’ da vida, ‘Reinaldos Azevedo’, entre outros nomes”, critica o parlamentar.

Para ele, a manifestação de ódio em um velório é algo “criminoso” do ponto de vista do significado, que deve levar as pessoas a uma reflexão diante desse cenário. “Uma hora dessas isso pode acabar em tragédia”, alerta.

Em entrevista ao portal “G1″, o secretário Nacional de Finanças do PT, Márcio Macedo, também criticou o protesto. O petista ressaltou que o Brasil é um país tradicionalmente pacífico, com tradição de preservar a tolerância e o respeito.

“Esse ódio expressado por uma parte da oposição brasileira, eu acho que isso não contribui para o processo democrático do País. Isso se assemelha ao que foi vivido em tempos difíceis da humanidade, como o nazismo. Isso não é correto”, ponderou.

O ex-deputado Virgílio Guimarães (PT-MG) classificou o texto dos panfletos como “lamentável”. “Faz parte desta onda de ódio que se implantou no país. Acho lamentável. Isso não se faz. Acho uma manifestação da pior qualidade. Incitamento ao crime, crime é”, disse à reportagem.

Fonte: Linha Direta

base-banner22

1 Comentário

Deixe um Comentário!