Notícias

Dilma a Cunha: não é o meu governo que está sendo acusado

Dilma a Cunha: não é o meu governo que está sendo acusado

Dilma a Cunha: não é o meu governo que está sendo acusado – Crédito: Roberto Stuckert Filho/PR

 

Em resposta às críticas do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, a presidenta Dilma Rousseff devolveu-as dizendo que não é o seu governo que está sendo investigado e acusado. A presidenta ainda se encontra na Finlândia em busca de acordos comerciais.

Do Jornal do Brasil:

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta terça-feira (20) que não há corrupção no seu governo, em resposta às recentes declarações do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

“Primeiro, não vou comentar as palavras do presidente da Câmara. Segundo, o meu governo não está envolvido em nenhum escândalo de corrupção, não é meu governo que está sendo acusado”, afirmou a presidente em entrevista coletiva em Helsinque, após encontro com o presidente da Finlândia, Sauli Niinisto.

Nesta terça, Dilma ressaltou que não é a Petrobras, que integra seu governo, o alvo do escândalo de corrupção da Lava Jato. “As pessoas que estão envolvidas estão presas, não é a empresa Petrobras que está envolvida em escândalo, são pessoas que praticaram corrupção e elas estão presas”, disse.

Dilma respondeu após ser questionada sobre a declaração dada na segunda (19) pelo presidente da Câmara de que “lamenta” que seja no “governo brasileiro o maior escândalo de corrupção do mundo.

A frase de Cunha foi uma reação a uma afirmação feita pela própria Dilma na Suécia, no domingo (18), de que “lamenta” que um brasileiro, no caso Cunha, seja protagonista de denúncias de contas bancárias na Suíça.

A presidente disse ainda que pedidos de seu impeachment por parte da oposição não vão “inviabilizar” sua gestão.

base-banner22

Deixe um Comentário!