Notícias

Primeiro-ministro português desmascara O Globo

Primeiro-ministro português desmascara ‘O Globo’

Primeiro-ministro português desmascara ‘O Globo’ – Crédito: Reprodução

 

Este é mais um factoide de O Globo criado para manchar a imagem do ex-presidente Lula; desta vez desmentido pelo primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho.

Pedro Passos Coelho, o primeiro-ministro de Portugal, desmentiu nesta segunda-feira (20) matéria do jornal O Globo, publicada no domingo (19) sobre suposto lobby do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em favor da construtora Odebrecht. “O ex-presidente Lula da Silva não me veio meter nenhuma cunha para nenhuma empresa brasileira”, estabeleceu. O primeiro-ministro utiliza a expressão “meter cunha” como uma variação portuguesa que significa “fazer lobby”.

“Para ser uma coisa que toda a gente perceba direitinho, é assim. Não me veio dizer: há aqui uma empresa que eu gostava que o senhor, se pudesse, desse ali um jeitinho. Isso não aconteceu. E nem aconteceria, estou eu convencido, nem da parte dele, nem da minha parte”, assegurou o primeiro-ministro português.

Segundo a reportagem do Globo, o pedido de Lula em favor da Odebrecht teria relação com a privatização da Empresa Geral de Fomento (EGF), de Portugal. Ontem, através de nota oficial para a imprensa, a assessoria do Instituto Lula acusou o jornal de omitir informações sobre o assunto. “O jornal O Globo não se atenta aos fatos e faz distorções para prejudicar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva”.

As declarações de Passos foram feitas a jornalistas portugueses ao final de uma conferência, num hotel de Lisboa. O chefe do executivo adiantou que não recebeu nenhum pedido de informações das autoridades judiciais brasileiras sobre este assunto. “Não, nenhum”, assegurou.

O site do Instituto Lula publicou artigo, nesta noite de segunda-feira, evidenciando as cinco mentiras de O Globo sobre Lula em 2015. Esta é a segunda vez em menos de um ano que o jornal (pertencente à Rede Globo) é desmentido por um chefe de Estado. A primeira foi com Pepe Mujica, ex-presidente uruguaio, na época do lançamento de seu livro. Segundo O Globo Mujica teria relatado numa passagem do livro a confissão de Lula sobre o mensalão.

Assista aqui às palavras do primeiro-ministro português sobre a mentira de O Globo.

base-banner22