Presidente francês gastou U$S 26 mil com maquiagem

Presidente francês gastou U$S 26 mil em maquiagem

Presidente francês gastou U$S 26 mil em maquiagem

De acordo com a revista francesa Le Point, o presidente Emmanuel Macron gastou nos três primeiros meses de governo U$S 26 mil com maquiagem.

Saiu no Publico:


Nos três primeiros meses de presidência, Emmanuel Macron gastou 26 mil euros em maquilhagem, noticia a revista Le Point. Mas o Eliseu já reagiu, reconhecendo que o valor é elevado e que será reduzido, embora justifique que se trata de um serviço que é contratado ao exterior, logo, mais caro.

Portanto, o salário bruto de um maquilhador profissional que se dedique ao rosto de um chefe de Estado é, aparentemente, maior do que de um alto funcionário do Estado francês, aponta o espanhol El País.

Contudo, Macron não é o primeiro, nem será o último inquilino do Eliseu a apostar na sua imagem e a pagar por isso. A maquilhadora de Nicolas Sarkozy (2007/2012) cobrava os mesmos oito mil euros; já a de François Hollande ficava-se pelos seis mil. No entanto, Hollande ficou conhecido pelo acréscimo de quase dez mil euros mensais que pagava ao seu cabeleireiro, descobriu então o semanário satírico Le Canard Enchaîné.

Mas por que recebem estes profissionais salários que são considerados altos? Porque estão disponíveis 24 horas por dia, argumentam os mesmos. Foi o que disse o cabeleireiro de Hollande e a maquilhadora de Sarkozy. Esta deu uma entrevista à Vanity Fair, há quase um ano, onde dizia que estava disponível, prescindindo das suas férias para ir na comitiva presidencial para qualquer lugar. “Houve momentos em que saíamos do aeroporto de Villacoublay e eu não sabia para onde íamos”, contou Marina Michenet que, por exemplo, acompanhou o então Presidente francês ao Afeganistão.


Deixe um Comentário!